A Secretaria da Educação do Estado está promovendo o segundo ano do projeto Enem 100%, que tem o objetivo de orientar, mobilizar e fomentar a participação dos estudantes do 3º ano do Ensino Médio da rede estadual de ensino no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para isso, o projeto engloba ações estratégicas voltadas para o fortalecimento das aprendizagens e o Redijaê, que consiste na correção de textos, com ênfase na Redação.

Para envolver ainda mais os professores no Redijaê, a secretaria convidou os educadores para serem parceiros do projeto, por meio da assinatura de um Termo de Parceria e Compromisso (TAC), que está sendo enviado aos gestores das unidades escolares. Os docentes devem enviar os termos para o e-mail redijae2018@gmail.com e caso não tenham recebido, mas desejem participar, precisam entrar em contato pelo mesmo endereço eletrônico.

Projeto 100% Enem
Foto: Gabriel Carvalho/Educação

Segundo o superintendente de Políticas para a Educação Básica do Estado, Ney Campello, o Enem 100% funciona por etapas, que incluem a mobilização das unidades escolares, a inscrição e o registro dos inscritos, o fortalecimento das aprendizagens e Redijaê, e o apoio logístico para a realização das provas. Para ele, o engajamento dos educadores no Redijaê é fundamental.

“Nessa etapa do projeto, que é o fortalecimento das aprendizagens e o Redijaê, estamos cientes que a contribuição dos professores de Linguagens é de grande relevância para a produção escrita. Por isso, convocamos os educadores de Língua Portuguesa para esse importante pacto pela melhoria da habilidade de nossos estudantes na escrita, sendo parceiros do Enem 100%”, enfatiza Campello.

Os professores inscritos assumem o compromisso de articular os planos de curso e de aula, com foco na produção textual para o Enem, utilizando como suporte os ambientes virtuais do Google e a Plataforma Anísio Teixeira. Neste caso, eles participam de uma formação para atuar no Google Classroom, sala de aula virtual do Redijaê, e na Plataforma Anísio Teixeira, para a avaliação das redações, a partir dos parâmetros do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Redijaê

Parte integrante do projeto Enem 100%, o Redijaê propõe que os estudantes escrevam e enviem suas redações para o ambiente virtual da Plataforma Anísio Teixeira. Os textos são analisados por professores da rede estadual e por estudantes de universidades públicas e particulares e devolvidas para os alunos, com as observações necessárias para o aperfeiçoamento da escrita dissertativa. O projeto permite o envio de duas redações por estudante.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado