Espaços mágicos de encanto, onde a imaginação de crianças e jovens é estimulada, as bibliotecas Infantil Monteiro Lobato (BIML) e de Extensão (BIBEX) se juntaram para celebrar, nesta quarta-feira (18), os aniversários de 68 e 33 anos, respectivamente, com um dia de atividades especiais. A programação foi realizada na BIML, localizada na Praça Almeida Couto, em Nazaré, e incluiu contação de história, apresentação de teatro, lançamento de livro, oficinas e apresentações musicais.
 
Uma das maiores do estado, a Biblioteca Monteiro Lobato segue buscando maneiras de conquistar novos leitores. Em 2017, o espaço recebeu cerca de 20 mil pessoas, entre crianças, jovens e adultas. “Na era digital, é louvável que continuamos atrativos para os pequenos apaixonados por leitura. Hoje estamos comemorando a grande importância que essa biblioteca tem, estimulando a leitura e levando diversão e lazer para tantas pessoas ao longo dos anos. Para celebrar essa data, escolhemos ficar perto de nossos leitores, que são a razão de tudo o que fazemos", afirmou a diretora da unidade, Patrícia Porto. 
Já a BIBEX atravessa as fronteiras dos bairros de Salvador com um acervo rico de publicações, entre livros didáticos, de literatura, jornais e revistas, como explica a diretora da biblioteca, Silvia Sacramento. “Nós levamos o nosso acervo para lugares onde não existem bibliotecas, promovendo o estímulo à leitura de forma divertida e lúdica. Queremos promover o acesso ao livro para todos”.
Como parte das comemorações, as bibliotecas contemplaram os leitores mais assíduos com prêmios e medalhas. Ryan Paixão, 11 anos, sempre recebeu estimulo dos pais e hoje é uma das crianças que mais frequentam a BIML. “Ler um livro faz a gente entrar num mundo diferente. É fascinante. É como ver um filme acontecendo em nossas mentes. Eu comecei a ler com meus pais, quando eu tinha cinco anos, e não parei mais. Termino um livro e venho pegar outro aqui. Não consigo mais parar de ler”.
Sistema estadual 
As unidades integram o sistema estadual de bibliotecas públicas, gerido pela Fundação Pedro Calmon (FPC), vinculada à Secretaria de Cultura (Secult). O sistema é composto por seis bibliotecas localizadas em Salvador, sendo uma delas a Biblioteca de Extensão com duas unidades móveis, uma no município de Itaparica e a Biblioteca Virtual Consuelo Pondé, especializada na história da Bahia.
O sistema também presta assistência técnica a mais de 450 bibliotecas municipais, comunitárias e pontos de leitura, além de cursos de capacitação para os funcionários dessas unidades.
Repórter: Tácio Santos