O SineBahia Móvel está mais próximo dos moradores do Subúrbio Ferroviário de Salvador. Nesta sexta-feira (25), na Praça Marco Zero, a unidade itinerante ofereceu serviços gratuitos para a população do bairro do Lobato. A ação garantiu a intermediação de mão de obra, emissão de Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), oficinas de empreendedorismo e orientação para o trabalho. 
“Essa é uma maneira de promover a cidadania e garantir oportunidade para quem precisa e não tem condições de pegar um transporte e ir até algum posto. As oportunidades são para todos. Se o cidadão não vai até o SineBahia, o SineBahia vai até o cidadão”, destaca a secretária do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte do Estado, Olívia Santana. 
Há sete meses desempregado, Jocivaldo dos Santos Silva conseguiu a carta de encaminhamento para uma entrevista de emprego. Apesar da experiência como vigilante, o morador do Lobato também reuniu qualidades exigidas para a vaga de conferente de depósito. “Sou pai de família e estava conseguindo minha renda com alguns bicos que fazia, mas chega uma hora que não dá mais. Fico muito feliz pela vinda dos serviços aqui para o bairro. Minha entrevista de emprego está marcada para o próximo dia 28 e, com fé em Deus, a vaga será minha”, afirma. 
Também moradora do bairro, Josenice Pereira aproveitou para fazer uma nova via da carteira de trabalho. Ela tenta voltar trabalhar após cinco anos desempenhando funções de dona de casa. “As coisas apertaram muito lá em casa. Meu marido está precisando de ajuda para a renda da família. Tenho experiência como doméstica e estou buscando vaga nessa área”, conta.
Foto: Camila Souza/GOVBA  
(Foto: Camila Souza/GOVBA)
Praça da Revolução 
A ação itinerante volta a ser realizada neste sábado (26). Desta vez, os serviços serão oferecidos na Praça da Revolução, no bairro de Periperi, das 6h às 14h. Trabalhadores interessados em se cadastrar no Sistema Mais Emprego devem apresentar os seguintes documentos: carteira de trabalho, carteira de identidade (RG), CPF, número do Programa de Integração Social (PIS), comprovantes de residência e escolaridade e certificados de cursos. Já aqueles que possuem cadastro e desejam consultar as vagas disponíveis, devem levar carteira de identidade ou carteira de trabalho e número do PIS.
Para solicitar a CTPS, é necessário ter em mãos: RG, CPF, certidão de nascimento/casamento ou divórcio e comprovante de residência emitido nos últimos 90 dias. Se for segunda via, é preciso apresentar também o Boletim de Ocorrência de Perda ou Roubo do documento, emitido em uma delegacia, pela Secretaria da Segurança Pública (SSP), contendo o número do PIS. 
Repórter: Leonardo Martins