Os alunos das unidades de ensino da rede estadual vivem a expectativa pela realização da Campus Party, que acontece, pela primeira vez em Salvador, desta quarta-feira a domingo (9 a 13), na Arena Fonte Nova., em Salvador. Muitos serão visitantes, outros campuseiros, que permanecerão acampados no local nos dias do evento, e vários protagonistas, participando de exposições de projetos desenvolvidas em sala de aula, nas áreas de Inovação, Ciências, Criatividade, Empreendedorismo e Entretenimento.

A estudante Laissa Chagas Miranda, 18 anos, que faz o curso técnico em Química, no Centro Territorial de Educação Profissional do Extremo Sul (Cetep), localizado no município de Teixeira de Freitas, já está de malas prontas. “Estou muito feliz e ansiosa em poder apresentar meu projeto sobre o óleo bivolátil extraído da casca da laranja e que serve para a hidratação da pele. Vai ser muito bom para absorver conhecimentos para aprimorar o meu projeto”.

campus party
Foto: Claudionor Junior/Educação

A professora e orientadora Nayara Camargo que, além de Laissa, vai acompanhar no evento o estudante Breno Costa, autor do projeto ‘Produção de Etanol a partir do bagaço da manga’, diz que está orgulhosa de seus alunos. “É muito gratificante saber que os dois projetos orientados por mim estão saindo do ambiente escolar para terem visibilidade em um evento de nível global. Vai ser uma experiência marcante para eles e servirá de incentivo para outros estudantes”.

Para Jéssica Batista, 18, do curso técnico em Informática do Centro Estadual de Educação profissional em Gestão e Tecnologia da Informação Regis Pacheco (Ceep), em Jequié (centro sul), a Campus Party vai ser uma boa oportunidade para divulgar o aplicativo ‘Jequié Eco Tour’ juntamente com seu colega Uendel Lima. “Vamos mostrar, na prática, o conhecimento obtido em sala de aula e mostrar o potencial ecoturístico de Jequié e região, através do nosso aplicativo”.

A estudante Daniele Ramos, 17, do curso técnico em Informática do Colégio Estadual Góes Calmon, em Salvador, já se credenciou com seus colegas para ter acesso aos espaços do evento e, nesta terça (8), foi visitar a Arena Fonte Nova. “Vou aproveitar para absorver o máximo de conhecimentos e isso vai ser muito bom para o meu currículo”, afirmou, empolgada coma sua credencial em mãos.
Luan Mutti, 17, que faz o curso técnico em Manutenção e Suporte de Informática, no mesmo colégio, também está entusiasmado para participar. “Já pesquisei sobre a Campus e olhei a programação de palestras que quero assistir. O conhecimento obtido aqui vai ser muito útil na minha área de formação, porque tem muito a ver com Tecnologia”.

O evento terá um estande da Secretaria da Educação do Estado, no qual serão apresentados estes e mais outros projetos de iniciação científica desenvolvidos nas unidades escolares da rede estadual de ensino. Acesse a programação completa sobre a participação dos estudantes no Portal da Educação.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado da Bahia