Atualizar profissionais e estudantes da área da saúde sobre o cuidado com as queimaduras é o objetivo principal da realização, no próximo dia 19, no auditório do Hospital Geral do Estado (HGE), da 1ª Jornada Interdisciplinar de Queimaduras da unidade. Na ocasião, a equipe do Centro de Tratamento de Queimados (CTQ) vai apresentar o trabalho que vem sendo desenvolvido pelos profissionais no atendimento aos pacientes vítimas de queimaduras. São oferecidas 120 vagas e a pré-inscrição dos interessados deve ser feita pelo email jornadaqueimaduras@gmail.com.

O encontro será aberto às 8h, pelo diretor geral do HGE, André Luciano Andrade, e terá, em seguida, a palestra ‘Desafios e resultados iniciais de um novo CTQ’, com o chefe do CTQ, Marcus Vinicius Barroso. Na programação constam mesas redondas para discussão dos temas ‘Trabalhos científicos’; ‘O paciente queimado grave e os desafios no manejo clínico’; e ‘Contextualização do trabalho do enfermeiro no CTQ e Tratamento de queimaduras’.

Entre os assuntos para debate estão ‘Versatilidade do Groin Flap no tratamento de queimaduras elétricas em mãos e o Perfil de cirurgias realizadas no CTQ do HGE’, com o médico Paulo Plessin Filho; ‘Avaliação do perfil epidemiológico e taxa de mortalidade dos pacientes internados na unidade de alta complexidade do HGE’, com o médico Haroldo Sampaio; ‘Complexidade Assistencial de um CTQ: uma análise da escala Fugulin e Prevenção de LP em pacientes queimados: da UTI à Unidade de internação’, com as enfermeiras Laís Nascimento e Ednalva Heliodoro, respectivamente, e o ‘O uso das células tronco no tratamento de lesões cutâneas’, com o médico Valber Menezes.

De acordo com o médico Adson Figueiredo, um dos idealizadores do evento, esta será a primeira, mas outras jornadas virão porque, segundo ele, é muito importante atualizar sempre os profissionais e transmitir novos conhecimentos. “Neste encontro, vamos também apresentar o nosso CTQ do HGE, que em outubro estará completando um ano de funcionamento. Estamos conseguindo atingir os nossos objetivos que é, em primeiro lugar, oferecer o melhor tratamento possível e humanizado aos pacientes vítimas de queimaduras de diversos tipos”.

Fonte: Ascom/Secretaria da Saúde do Estado (Sesab)