Criado pela Diretoria de Enfermagem do Hospital Geral Roberto Santos (Direnf – HGRS), o Programa de Aperfeiçoamento Profissional de Enfermagem (Pape) é a nova ação de educação permanente voltada especificamente para enfermeiros e técnicos de enfermagem da instituição. A programação, iniciada neste mês de março, engloba oficina de líderes com coordenadores das unidades assistenciais, acolhimento dos novos colaboradores e formação dos veteranos em multiplicadores.  
 
Com conteúdos teórico, teórico-prático e prático (simulação realística), o objetivo principal do Pape é capacitar profissionais recém-contratados e fazê-los se sentir integrados à rotina do HGRS, independente do vínculo empregatício. “Queremos que eles sejam bem-vindos e criem em si o sentimento de pertencimento. Além, é claro, de entenderem todos os processos do hospital. Isso gera satisfação do público interno, qualifica a assistência e eleva a segurança do paciente”, avalia Mariana Gibaut, enfermeira da Educação Permanente em Enfermagem.
 
No caso da formação em multiplicadores, são escolhidos técnicos e enfermeiros de cada unidade assistencial para composição das turmas. Os encontros têm capacidade para 60 pessoas. Na próxima sexta-feira (24) será a vez de técnicos e enfermeiros das áreas materno-infantis participarem.
Tanto a formação dos multiplicadores quanto o acolhimento dos novos funcionários contam com apoio da Coordenação de Educação Permanente do HGRS, além da parceria de professores do Centro Universitário Jorge Amado (Unijorge), Universidade do Estado da Bahia (Uneb) e Universidade Federal da Bahia (Ufba).
Fonte: Ascom/HGRS