A ambiência sertaneja – conduzida por paisagens, símbolos e tipos sociais – é representada em 22 obras que compõem a mostra de artes visuais SER-TÃO, assinada por estudantes da rede estadual participantes do Artes Visuais Estudantis (AVE), projeto estruturante da Secretaria da Educação do Estado da Bahia. 
A exposição foi aberta para visitação pública nesta segunda-feira (20), no Espaço Cultural Josaphat Marinho, na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. A iniciativa é uma parceria da Secretaria da Educação com a Alba, por meio da articulação com o Programa Cultural da Escola do Legislativo. A exposição fica aberta até sexta (24), das 9h às 17h, com entrada gratuita.
 São quadros em preto e branco e coloridos, nos quais os estudantes revelam a percepção sobre a vida cultural do sertão e os problemas relacionados à seca, além das memórias, dos sonhos, da felicidade, da esperança e da fé do povo nordestino. Em um dos quadros, ‘Quaresma nordestina’, por exemplo, o destaque é a religiosidade. 
“Os nossos estudantes se inspiraram em heróis, como Glauber Rocha, Lampião e Luiz Gonzaga, e símbolos da região, como o jegue, o vaqueiro, o mandacaru, o sol mostrando a sua força em cor alaranjada e a velhice estampada no rosto de homens e mulheres que são exemplos de sabedoria. Os trabalhos trazem, sobretudo, as dificuldades, as agonias, os flagelos da seca do Nordeste”, afirma a coordenadora de Projetos Intersetoriais da Secretaria da Educação do Estado, Nide Nobre. 
Foto: Claudionor Jr/Secretaria da Educação
(Foto: Claudionor Jr/Secretaria da Educação)
A mostra, que tem colaboração na curadoria de Aldo Mendonça, exerce uma importância no desenvolvimento educacional dos estudantes porque, através dos estilos e técnicas artísticos, eles têm a oportunidade de expressar as percepções de si e do mundo do qual eles têm o pertencimento, ressalta Nide Nobre. 

AVE 
O Artes Visuais Estudantis é um dos oito projetos estruturantes de Arte e Cultura promovidos pela Secretaria da Educação do Estado, com a finalidade de estimular as habilidades criativas dos estudantes. Em cada projeto, eles pesquisam, participam de oficinas criativas e confeccionam as obras em sala de aula. Depois, concorrem às seletivas nas escolas, por Núcleo Territorial de Educação (NTE), até a culminância com a etapa estadual. 
Fonte: Ascom/Secretaria da Educação