Interessados em Parcerias Público-Privadas (PPPs), os japoneses vieram ao Brasil conhecer projetos estruturantes e avaliar parcerias. O destaque foi para a região agrícola do Matopiba, formada pelos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e da Bahia. A reunião entre eles, o Governo brasileiro e governos estaduais aconteceu nesta quinta-feira (27), em Brasília.

O representante do Governo da Bahia, Jonas Paulo, e o assessor da Secretaria de Planejamento, Romeu Temporal, apresentaram a Ferrovia Oeste Leste, o Porto Sul e as BR’s 242, 135 e 020 como vias de escoamento que precisam de investimentos para o transporte da produção, que está se expandindo.

Jonas Paulo lembrou que o Estado tem expertise em PPPs, a exemplo do metrô da capital baiana, e quer atrair o investidor japonês. O representante falou do planejamento da Fiol se entroncar com a Ferrovia integração Centro-Oeste, FICO; da fibra ótica que o Estado quer levar a fronteira agrícola na Bahia, e do equilíbrio de oferta energética para preparar a região.

“Queremos fortalecer o corredor leste de escoamento da produção do Matopiba, que além de ser oportunidade para toda região, tem potencial para atender empresários dos estados de Minas Gerais e Goiás”, afirmou Jonas Paulo.


Repórter: Camila Peres