Os estudantes da rede estadual de ensino, que participam de cursos e oficinas do Centro Juvenil de Ciência e Cultura (CJCC), instalado no Colégio Estadual da Bahia (Central), localizado no bairro de Nazaré, em Salvador, estão apresentando uma série de atividade como parte da programação da 13ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologias (SNCT) – Ciência Alimentando o Brasil, que se encerra nesta sexta-feira (21). São experiências, por exemplo, como o contato com tubarões no fundo do mar, por meio de óculos 3D.

Para os visitantes também é possível sobrevoar, em uma cabine de avião instalada no Centro Juvenil, áreas da agricultura familiar dos diferentes Territórios de Identidade da Bahia. A ação é aberta ao público, das 8 às 17h. Muitos dos projetos apresentados pelos estudantes estão relacionados ao tema central da SNCT, Ciência Alimentando o Brasil.

centro juvenil
Uma das atividades dos cursos e oficinas oferecidos pelo CJCC é o voo virtual

Aislan Oliveira, 16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio do Central e, no turno oposto ao qual está matriculado, faz o curso de Gablab Makerm, no Centro Juvenil. Ele desenvolveu um programa que monitora o cultivo de uma horta sustentável e está sendo apresentado no local. “Por meio da plataforma Arduino, criei uma programação que indica o dia, hora e minuto, para regar a plantação. Também pode analisar a consistência do solo, mostrando se é o momento certo de molhar ou trocar a terra”.

A estudante Milena Gonçalves, 15, é aluna do Colégio Estadual Mário Augusto Teixeira de Freitas. Pela primeira vez no Centro Juvenil, ela afirma estar encantada com o resultado dos projetos desenvolvidos pelos estudantes e diz que ficará atenta ao período de inscrição dos cursos e oficinas para também participar. “Vejo que o Centro Juvenil tem uma forma de mostrar aos alunos alternativas de profissões, já que os temas Ciência e Tecnologia são o presente e o futuro no mercado de trabalho. Tenho um amigo que faz o curso de Piloto Virtual e nos incentivou a vir participar no Centro Juvenil”, afirmou ao fazer o voo virtual.

centro juvenil
Fotos: Ascom/Educação

A colega Iris Borges, 15, também do 1º ano, do Colégio Estadual Mário Augusto Teixeira de Freitas, ressalta a oportunidade de adquirir conhecimentos na área de Ciência e Tecnologia. “O conteúdo apresentado traz um diferencial. A gente sai um pouco daquele mundo da internet e passar a conviver em um ambiente de aprendizado e troca de experiências”.

O coordenador do evento e vice diretor do Centro Juvenil, Alcides Santos, enfatiza a importância desta integração com o público, pela oportunidade de mobilizar as escolas e o público em geral, para conhecerem os projetos desenvolvidos pelo Centro Juvenil. “Até esta sexta-feira estaremos realizando a mostra, as exposições, além de palestras e apresentação dos cursos. Todos estão convidados”.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado