Como parte das comemorações pelo Dia do Servidor (28 de outubro), estudantes de capoeira do Instituto de Organização Neurológica (ION) e do recital de música do Instituto de Cegos da Bahia, parceiros da Secretaria da Educação do Estado, realizaram, nesta quarta-feira (26), apresentação no auditório da sede. O objetivo foi mostrar os trabalhos realizados nas instituições e aproximar funcionários e estudantes da Educação Especial em um momento de integração e inclusão.

A coordenadora da Educação Especial do órgão, Patrícia Silva, destacou o valor da atividade. “É essencial trazermos para os colegas da secretaria o trabalho realizado com os alunos especiais e mostrar a importância de promover a autoestima deles, como forma de resgatar a cidadania”.

capoeira
Foto: Suami Dias/Ascom Educação

A servidora Silvia Santana, que participou da apresentação de capoeira, considerou a atividade muito divertida. “Foi interessante perceber a capacidade que eles têm em executar as atividades. Pude aprender sobre capoeira e também gostei muito da apresentação de música, com jovens bem talentosas”.

Compondo o grupo de capoeira, Caio Monteiro, 17 anos, enfatizou que o esporte foi um grande incentivo para mudar a sua vida. “Estou praticando há 11 anos por apoio do meu pai. Então, fico muito feliz de poder mostrar o meu conhecimento neste evento”. Ângela de Jesus, 34, que cantou ‘Quando Te Vi’, de Beto Guedes, e a versão ‘Dom Real’, de Melissa, afirmou “que a música sempre lhe acompanhou. Para ela, “é como remédio. Cura todos os problemas”.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado