Trazer a realidade para a sala de aula e discutir temas voltados a questões socioambientais e para o bem-estar da sociedade, a exemplo de ações de prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti, é uma das metodologias aplicadas pela professora de Ciências, Aline Franca. A educadora do Colégio Estadual Deputado Henrique Brito, em Campinas de Brotas, na capital, utiliza a estratégia para potencializar o processo de ensino e aprendizagem dos estudantes e formar cidadãos mais conscientes. Por tudo isso, ela é umas das homenageadas pela comunidade escolar neste mês em que se comemora o Dia do Professor (15 de outubro).

Para a estudante Geovanna Emilly de Oliveira, 11 anos, do 6° ano, a professora Aline tem um jeito simples e divertido de explicar os assuntos. “Ela é uma professora calma, brincalhona e que sempre traz novidades para as aulas como experiências práticas que nos ajudam a aprender de forma mais fácil”. Seu colega de sala, Juliano Souza dos Santos, 13, diz que também gosta das atividades práticas, transmitindo aprendizado para seus familiares e comunidade.

professora massa
Professora Aline: “É muito gratificante participar da formação do ser humano". Foto: Ascom Educação

“Na sala de aula fizemos cartazes coloridos para alertar sobre os riscos das doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti e também discutimos sobre a conservação do meio ambiente. Com isso, posso repassar as informações para meus vizinhos e amigos, para que não joguem lixo nas ruas e limpem os quintais de suas casas”, explica o estudante.

A professora Aline Franca diz que sempre estimula os estudantes com atividades diferenciadas. Em uma destas, permitiu que visualizassem o desenvolvimento das larvas do mosquito por meio de um microscópio. “É muito gratificante participar da formação do ser humano e perceber a mudança de postura, pois os alunos tornam-se mais conscientes e preocupados com o meio em que vivem”. Há mais de 16 anos, ela leciona para crianças e jovens da rede estadual de ensino.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado