Para estudantes do Colégio Estadual Edvaldo Brandão e moradores do bairro de Cajazeiras, em Salvador, a música se tornou mais que uma forma de entretenimento, já faz parte das suas vidas. O professor de música, Ivan Santos, aderiu ao projeto Encante, da Secretaria da Educação do Estado, passou a trabalhar a música no ‘Coral CajaVoice’, implantado na unidade e, com isso, está promovendo uma grande integração entre escola e comunidade. Sobretudo pela iniciativa, ele é um dos homenageados no mês em que se celebra o Dia do Professor (15 de outubro).

Os ensaios do ‘CajaVoice’ acontecem aos sábados letivos e tornam as aulas uma grande celebração do conhecimento. Contando com 25 integrantes, o grupo se apresenta em festivais e encontros promovidos nas comunidades de Salvador. Para participar, os estudantes realizam audição. Mas é pré-requisito também ter bom desempenho escolar para a permanência no coral.

coral educação
Os ensaios do coral, que tem 25 integrantes, acontecem aos sábados letivos  

Taires Neco da Silva, integrante do coral, ressalta a importância do envolvimento na iniciativa. “O projeto nos deu a oportunidade de fazer e conversar sobre arte. Sinceramente, temos poucas opções no nosso bairro e participar do coral nos dá a possibilidade de conhecimento técnico, junto com a diversão. Todas as vozes são importantes. Por isso, acaba sendo uma lição que aprendemos desde que entramos no projeto”.

professor ivan
Ivan exige como pré-requisito o aluno ter bom desempenho escolar. Foto: Ascom/Educação

Paulo Ricardo, um dos integrantes, concorda com o professor. “Já gostava de música e praticava piano. Com a oportunidade de participar do voral pude aprimorar meu conhecimento em música. O professor Ivan faz um trabalho muito especial, pois dá a oportunidade aos alunos do colégio e moradores da comunidade de se envolverem com a música. Realmente, ele faz a diferença, aliando o projeto à importância dos estudos nas disciplinas regulares”.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado