A produção audiovisual da Bahia vive um momento de reviravolta. No passado, o número de produções cinematográficas era muito pequeno. Nos últimos anos o estado tem vivenciado o surgimento de uma grande diversidade de obras e o aparecimento contínuo de novos cineastas e artistas. A tendência é que esse número aumente cada vez mais.

O universo da televisão passa por uma transformação semelhante. Se antes não existia um mercado estruturado, agora os produtores baianos contemplam a possibilidade de criar para a televisão também. Essas mudanças se devem aos incentivos captados através de leis, editais e dos fundos de investimento para montagens audiovisuais.

Confira como o fomento à produção para cinema e televisão nos últimos anos tem transformado a realidade das artes na Bahia no Nossa Cultura, série de vídeos produzida pela Secretaria de Comunicação Social do Estado (Secom), em parceria com a Secretaria de Cultura (Secult).