No extremo sul baiano, a cidade de Caravelas já conta com um sistema completo de esgotamento sanitário. Quase a totalidade das residências e estabelecimentos da sede do município tem à disposição a nova rede coletora de esgoto, após a inauguração do sistema, neste sábado (17), com a presença do governador Rui Costa, atendendo a um antigo anseio dos moradores. Além da sede, o interior também foi beneficiado com a autorização para convênios do programa Bahia Produtiva, que vão fortalecer a produtividade e ajudar a diminuir a pobreza no campo.

Aproximadamente R$ 17 milhões foram investidos na obra, que melhora as condições sanitárias da cidade, conhecida também pelas belezas naturais e proximidade com o Arquipélago de Abrolhos, e reforça a preservação ambiental, evitando que o esgoto seja lançado sem tratamento em locais inadequados. Os benefícios da intervenção foram destacados pelo governador ao vistoriar o novo sistema. "Uma entrega muito importante. É com orgulho e com a autoestima elevada que o povo pode estufar o peito e dizer que cidade, praticamente toda a sede, tem rede coletora de esgoto, algo muito importante para a saúde do povo e também para o meio ambiente".

Caravelas

Com a rede coletora, que alcança 95% dos domicílios, ligações intradomiciliares, estações elevatórias e uma estação de tratamento, o sistema beneficia mais de 2.300 famílias. Entre elas, a do servidor público Henrique Lopes, caravelense que já tem sua casa interligada à nova rede. "É uma obra que vai trazer benefício para toda a população. Vai evitar a poluição e preservar. É muito importante para a cidade a preservação porque recebe muitos turistas e é bom agradarmos o visitantes". Presente no ato, o secretário Cássio Peixoto, da Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS), comemorou a universalização da água e saneamento no município e destacou que "essa é meta prioritária do governador Rui Costa".

Caravelas
Governador também assinou convênios do Programa Bahia produtiva

Para outras 100 famílias que vivem no campo, os benefícios chegarão muito em breve, trazidos pela assinatura de dois convênios do Programa Bahia Produtiva, gerido pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR). Duas associações das áreas de apicultura e bovinocultura receberão recursos de R$ 1,2 milhões, no total, para executarem uma série de ações que qualificam a produção e agregam valor aos itens produzidos por elas.

Repórter: Eudes Benício