Capacitar jovens de 17 a 21 anos a fim de torná-los preparados para ingressar no mercado de trabalho. Este é objetivo do Programa Ford de Educação que, nesta sexta-feira (30), iniciou uma nova turma com mais 100 jovens do município de Camaçari. Inspirado no Educar para Transformar, do Governo do Estado, o programa executado pela multinacional já capacitou outros 100 jovens, todos estudantes ou oriundos da rede pública de ensino.

Na aula inaugural, realizada no Sesi Camaçari, os jovens puderam conhecer um pouco mais sobre a montadora e ainda as possibilidades de ingressar na empresa. De acordo com o engenheiro chefe da Ford, Milton Lubraico, cerca de um quarto dos jovens da primeira turma tiveram a oportunidade de ingressar na empresa por meio do programa de jovens aprendizes. “Na última edição, 26 pessoas entraram na companhia após terem passado pelo programa Ford de Educação e estão crescendo e se desenvolvendo. Acreditamos que existem talentos que precisam ser capacitados, preparados”, afirmou.

Entre os critérios de seleção está o bom desempenho escolar, especialmente em disciplinas como português e matemática. Islane Bitencourt, 18 anos, é estudante do 3º ano do Colégio Estadual José de Freitas Mascarenhas, em Camaçari. A jovem está disposta a manter a dedicação para se destacar e conseguir uma boa colocação profissional. “A concorrência é grande. Então é preciso saber aproveitar o momento, não desperdiçar a chance, aproveitando tudo, dando o seu melhor e mostrar que é capaz”.

Ford de Educação
(Foto: Carol Garcia/GOVBA)

Para reforçar a saúde bucal, os participantes também recebem atendimento no Odondomóvel, além de lanche e transporte. Dividida em três fases, a primeira parte da capacitação inclui aulas de comunicação escrita, inglês básico, segurança e proteção da saúde no ambiente do trabalho, gerenciamento de tempo, ética e relacionamento interpessoal, entre outras.

Na segunda fase, são oferecidos cursos técnicos de auxiliar de eletricista, de mecânico de automóveis, de logística e administrativo. Por fim, os jovens selecionados para o programa educacional se tornam candidatos do processo seletivo para o Programa Jovem Aprendiz da Ford, que inclui experiência prática na fábrica e atividades teóricas no Senai Camaçari.

Aos 20 anos, Danilo Ribeiro, estudante do Colégio Estadual de Monte Gordo, localidade que pertence a Camaçari, é um dos 26 jovens da primeira turma que foram selecionados para o programa de aprendiz da montadora. De acordo com ele, a participação no programa mexeu com a autoestima de toda a família. “Para mim está sendo um motivo de muita alegria. Parentes, tios, todo mundo está bem contente e orgulhoso com isso”.

Ford de Educação
(Foto: Carol Garcia/GOVBA)

Para Danilo, as aulas de comportamento interpessoal o tornaram melhor. “A minha relação com as pessoas mudou muito. Poder agir como profissional, separar a vida pessoal, lidar com as diferenças. Entender que devemos facilitar o trabalho do outro. Ter responsabilidade, fazer bem feito para facilitar o trabalho que vem a seguir”.

Repórter: Jhonatã Gabriel