As condições do tempo previstas para esta sexta-feira, sábado e domingo (6 a 8), fim de semana em que é celebrado o Dia das Mães, são marcadas por temperatura elevada e pouca chuva em grande parte da Bahia. A previsão é do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), órgão vinculado à Secretaria do Meio Ambiente (Sema).

Esta situação decorre da permanência de uma intensa massa de ar quente e seco que, além de reduzir a nebulosidade, contribui para manter a temperatura elevada, com a máxima podendo chegar aos 36°C, no período da tarde, especificamente nas regiões oeste, São Francisco e norte do estado. No período da noite, a pouca nebulosidade favorece a temperatura mais baixa – a mínima pode chegar aos 16°C, especialmente nas áreas serranas das regiões da Chapada Diamantina e sudoeste.

Na faixa leste do estado, que inclui as regiões do Recôncavo Baiano, sul e nordeste, a previsão é de céu parcialmente nublado na maior parte do período. Ainda assim, como são típicos nesta época do ano, os ventos úmidos vindos do Oceano Atlântico contribuem para a ocorrência de chuva de fraca intensidade e mais frequente em localidades próximas ao litoral.

A umidade vinda Oceano também influencia as condições do tempo em Salvador e área metropolitana, onde a previsão para este final de semana é de céu nublado a parcialmente nublado com chuva fraca. Nesse período, a temperatura na capital deverá oscilar entre 22°C (mínima) e 31°C (máxima).

Maré e radiação

De sexta a domingo, a maré deve atingir altura máxima, entre 3h e 5h, e das 15h às 17h, variando de 2,2 a 3,1 metros. Já a altura é esperada para o período entre 9h e 11h, das 21h às 23h, com valores oscilando 0,1 a 1,0 metro. As ondas previstas deverão ter agitação fraca a moderada, com altura máxima podendo alcançar 2,0 metros.

Os Índices de Radiação Ultravioleta (IUVs) permanecem altos, variando de 08 a 11, classificadas como ‘Muito Alta’ e ‘Extremo’ pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que alerta sobre a importância de se evitar exposição prolongada ao sol, principalmente das 10h às 16h. Também é necessário usar protetor/filtro solar, chapéu, boné, óculos escuros e roupas leves para minimizar danos à saúde, principalmente na pele e olhos.

Fonte: Asco/Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema)