A segunda etapa do projeto Hip Hop Circuito Salvador acontece nestes sábado e domingo (21 e 22), a partir das 13h, no Largo do Santo Antonio, no Centro Histórico. O projeto consiste em levar para diferentes locais da capital baiana os quatro elementos da cultura Hip Hop – DJ (música), MC (mestre de cerimônia), o break (dança) e graffiti (artes visuais) com apresentações e oficinas sobre a cultura de rua. O projeto tem apoio financeiro do Governo do Estado, por meio do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA).

A ação realizará encontros voltados para a troca de experiências entre os jovens e adolescentes membros da comunidade, que tenham interesse por essa arte, e os realizadores do projeto. Serão oferecidas quatro oficinas gratuitas, com 20 vagas cada, para jovens e adolescentes maiores de 16 anos, que tenham interesse pela cultura Hip Hop.

As oficinas serão ministradas em duas tardes, das 14 às 18h. Ao final das atividades haverá a participação do MC Galf e do grupo Nova Era, encerrando esta etapa junto com o MC Daganja em uma apresentação com o melhor da cultura Hip Hop. As inscrições serão realizadas nos dias e local do evento.

Fundo de Cultura

Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artísticas e culturais baianas, o Fundo de Cultura da Bahia (FCBA) custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. São financiados, preferencialmente, aqueles que, apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada.

O FCBA está estruturado em quatro linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação – Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais. Mais informações estão disponíveis no site da Secult.