A Escola Pública do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Eptran-BA) participou esta semana, em São Paulo, do 1º Encontro Nacional de Eptrans, onde foram debatidas as metodologias de ensino desenvolvidas pelos estados e os projetos em andamento.

Atualmente, a Bahia oferece o curso gratuito para a primeira habilitação, a capacitação de condutores e ações educativas que já alcançaram aproximadamente 25 mil alunos do ensino fundamental. Ainda este ano, o estado vai implantar o Programa de Educação para o Trânsito, que prevê uma série de atividades em escolas públicas. “Vamos percorrer escolas de Salvador e de municípios do interior, com palestras, seminários e atividades recreativas, que vão enriquecer o currículo dos alunos, disponibilizando conteúdo de educação para o trânsito e cidadania. Queremos preparar os condutores do futuro”, assegurou a diretora da Eptran-BA, Ilnara Menezes.

O diretor-geral do Detran-BA, Lúcio Gomes, que estava na capital paulista participando do 52º Encontro Nacional dos Detrans, disse que o novo programa da Escola Pública de Trânsito faz parte da ampliação das ações educativas do órgão em 2016. “O trabalho da Eptran está crescendo para atender um número maior de pessoas. São taxistas, mototaxistas, agentes de trânsito, militares e, especialmente, os estudantes, que começam cedo a aprender como ser um condutor responsável. Esse programa da escola é inovador e vai envolver professores, alunos e as famílias”.

Fonte: Ascom/Detran