Nesta quarta-feira (9), os moradores de Pirajá, em Salvador, serão atendidos pelo projeto Ouvidoria nos Bairros, da Ouvidoria Geral do Estado (OGE). O atendimento será realizado entre 14h e 17h, no Colégio Estadual Cesare Casali, localizado no Conjunto Pirajá 1 s/nº , final de linha ao lado da 9º Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM).

Os cidadãos poderão fazer reclamações, denúncias, pedir informações e fazer elogios sobre os serviços públicos prestados pelo Estado. As manifestações serão registradas, via Sistema TAG, pela equipe da Central de Atendimento da Ouvidoria Geral do Estado que estará atendendo lideranças comunitárias e moradores.

Na sexta-feira (11), a Ouvidoria Geral levará os seus serviços aos moradores de Arembepe, na Região Metropolitana de Salvador. O projeto já atendeu os bairros de Liberdade, Pau da Lima e Castelo Branco.

Participação social e direitos

O Ouvidoria nos Bairros é uma ação que vai até as comunidades de Salvador ouvir os cidadãos sobre demandas referentes aos serviços públicos prestados pelo Estado. O objetivo é ampliar o acesso do cidadão a este mecanismo de participação social, promoção da transparência pública e cumprimento a Lei de Acesso à Informação (LAI).

Faz parte de um conjunto de ações que visa fomentar a cultura da informação no Estado, ampliando o conhecimento dos cidadãos sobre seus direitos, promovendo a qualidade da gestão pública e fortalecendo a democracia.

"O Ouvidoria nos Bairros aproxima o cidadão deste instrumento de controle social que é a OGE, contribuindo com a melhoria dos serviços públicos estaduais, além de potencializar o acesso às informações públicas, enquanto direito, previsto em lei", afirma o ouvidor geral, Yulo Oiticica.