Os estudantes das escolas no interior da Bahia também estão aderindo à campanha do Governo do Estado ‘Eu Amo a Escola Pública’, com foco na valorização da escola como um bem de todos. Eles expressam o sentimento de gratidão ao lugar onde desenvolvem o aprendizado, constroem laços de amizade e vivenciam experiências que levarão para toda a vida.

No Colégio Estadual Tiradentes, localizado em Oliveira dos Brejinhos, no Vale do São Francisco, a 756 quilômetros de Salvador, a campanha está mobilizando toda a comunidade escolar, a exemplo de Alice Vanderlei, 15 anos, do 2° ano do Ensino Médio. “A escola pública é o espaço que proporciona a nós alunos grandes oportunidades diversificadas de aprendizado. Além dos conteúdos programáticos, vivenciamos também os projetos estruturantes que vieram para melhorar, ainda mais, a nossa vida estudantil. Por isso, eu amo a minha escola pública”.

Bruna Barreto, 15, do mesmo ano, afirmou que ama a sua escola porque é um ambiente de diversos aprendizados, que “orienta a trilhar os melhores caminhos para o nosso futuro e nos guia para traçar o futuro acadêmico, pois é a base firme para o nosso sucesso na vida e os professores são os nossos melhores amigos”.

Para Wendlla Periera, 15, 2º ano do ensino médio, o amor pela sua unidade de ensino é resultado da busca realizada pela escola pública para “sempre aprimorar a qualidade do ensino. Além disso, nos proporciona trabalhar as diversas áreas do conhecimento a partir de projetos culturais, gincanas e oficinas onde somos motivados a colocar nosso conhecimento em prática”.

A diretora da unidade escolar, Ezilde Novais, afirma que sempre estudou em escola pública e, atualmente, como gestora, vê a evolução do espaço escolar por meio de melhorias na educação. “Vemos nos rostos das crianças, jovens e adultos a alegria que eles têm por frequentarem uma escola que os valoriza e os prepara para o mundo”.

Os estudantes do Colégio Estadual Agenor Leite, no município de Morpará, também no Vale São Francisco, a 781 quilômetros da capital, estão integrados à campanha, que inclui as famílias. É o caso de Nilton Nascimento, 17. “Eu amo a escola pública porque é onde eu estou adquirindo conhecimento. Fiz vários amigos e me sinto bem interagindo com todos, inclusive os professores”.

A mãe de Nilton, Jucineide Cruz Silva, quando soube da iniciativa também fez questão de participar. “Valorizo a escola pública porque fui aluna da rede estadual, onde aprendi muitas coisas e sei que meu filho vai concluir o ensino médio e entrar bem preparado na faculdade. Hoje, tenho saudades e boas lembranças da minha época de estudante”.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado da Bahia