Com uma programação composta por 24 filmes que serão exibidos até junho, o Cineclube Pixelando vai movimentar as noites de sábado e domingo do município de Itabuna, no sul do estado. Quem curte cinema poderá conferir a seleção de curtas e longas metragens nacionais, a maioria inédita na cidade, sendo dois filmes por sessão, com entrada a R$ 2.

O Cineclube Pixelando faz parte do projeto de dinamização do Núcleo de Produções Artísticas (NúProArt ) e acontecerá a cada 15 dias, entre os meses de março e junho deste ano, contemplando também uma oficina de Produção Audiovisual para 30 jovens com idade entre 16 a 21 anos. Tem o apoio financeiro do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA), mecanismo de fomento administrado pelas secretarias estaduais de Cultura (Secult) e da Fazenda (Sefaz-BA). As exibições acontecem no espaço NúProArt, na rua Daniel Leão/20, no bairro Manoel Leão.

As sessões terão início neste sábado (12), às 19h, com a exibição de dois filmes. O primeiro, ‘Tom da Terra’, um curta ficcional, recém produzido, dirigido por Brenda Matos e Victor Brasileiro, que traz a história de Juca, um menino vendedor de rolete de cana que vive em uma região marcada por conflitos de terra. O segundo é o documentário ‘Memórias do Rio Cachoeira’, com direção de Victor Aziz, que apresenta por meio da música, da poesia e de imagens, uma abordagem socioambiental do Rio Cachoeira. No domingo (13), também às 19h, será exibido o documentário ‘Programe-se’, dirigido pelo trio Dilson Reis, Tainan Piantavinha e Tcharly Briglia, e a ficção ‘Contracorrente’, do diretor italiano Max Gaggino. A programação está disponível no site do projeto.

Fonte: Ascom/Secretaria de Cultura do Estado (Secult)