Mais uma fase do Programa Ford de Educação para Jovens foi iniciada nesta quinta-feira (21), com o processo seletivo para estágio no Complexo Industrial Ford Nordeste, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Inspirado no programa estadual Educar para Transformar – um Pacto pela Educação, o programa busca promover a qualificação de alunos da rede pública estadual de ensino para o mercado de trabalho.
Com o objetivo de se tornar Jovem Aprendiz, cerca de 100 alunos participantes da iniciativa realizam provas nesta quinta (21) e sexta-feira (22), para atuar na planta da montadora. As avaliações desta etapa são eliminatórias e contêm questões de Português, Matemática, Atualidades e Raciocínio Lógico. 
Em fevereiro, os aprovados farão dinâmicas e entrevistas em grupo. Após essas atividades, a Ford vai selecionar os integrantes do Programa Jovem Aprendiz, que continuarão frequentando cursos técnicos no Senai. O programa foi lançado no último mês de outubro, com a presença do governador Rui Costa.
Etapas 
Na primeira fase, os participantes tiveram palestras motivacionais com funcionários da Ford e aulas comportamentais e de formação pessoal, como ética, gerenciamento de tempo, informática, inglês básico, matemática e lógica, comunicação escrita, entre outras. Na segunda etapa do processo, iniciada neste ano, os estudantes conheceram o Complexo Industrial Ford Nordeste e assistiram a palestras sobre carreira e saúde com profissionais do Centro Médico da fábrica. 
Eles também fazem, no Senai, cursos técnicos de auxiliar de eletricista, mecânico de automóveis, mecânico de máquinas industriais e administrativo. A iniciativa é financiada pela Ford Fund, braço filantrópico da montadora, com apoio das secretarias estadual e municipal de Educação, além de parceria do Sesi e do Senai.