O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) lançou, nesta segunda-feira (21), a unidade da Escola Pública de Trânsito (Eptran) de Feira de Santana, no centro norte baiano, em entrevista coletiva à imprensa, na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) do município. As inscrições para o curso que dá direito à primeira Carteira Nacional de Habilitação (CNH) começam no próximo mês com a oferta de três mil vagas.

Para ter direito ao benefício, o candidato precisa residir na cidade, ser maior de 18 anos, possuir renda de até um salário mínimo e ter estudado a vida toda em escola pública, ou privada com bolsa integral comprovada.

"Inicialmente, as aulas serão nas instalações de um colégio estadual, mas já adquirimos outro imóvel para a Ciretran, no Alto do Cruzeiro, onde funcionou a Ebal [Empresa Baiana de Alimentos], que vai abrigar definitivamente a Escola Pública de Trânsito. A nova sede será maior e vai oferecer mais comodidade e conforto aos usuários e alunos. Feira de Santana é um polo regional de desenvolvimento, onde o Detran tem melhorado os serviços oferecidos à população e feito blitzes de alcoolemia para garantir a seguranças nas vias", afirmou o diretor-geral do Detran, Maurício Bacelar.

Este ano, o Detran já beneficiou 1.600 pessoas de baixa renda com o curso gratuito para a primeira habilitação, que oferece 45 horas de aulas teóricas, 25 horas de exames práticos, material didático e fardamento. O único custo dos candidatos é com o laudo, no valor de R$ 143.