Reunir em apenas um local as principais frentes de trabalho da segurança pública, para proporcionar mais comodidade aos cidadãos e facilitar as ações desenvolvidas conjuntamente entre as polícias Civil, Técnica e Militar. Com este objetivo, o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Segurança Pública (SSP), inaugurou no município de Bom Jesus da Lapa, a 800 quilômetros de Salvador, mais uma unidade do Distrito Integrado de Segurança (Disep). Com espaços equipados para abrigar cada uma das três polícias, o Disep Bom Jesus da Lapa dispõe ainda de necrotério e setor administrativo.
 
O governador Rui Costa, acompanhado do titular da SSP, Maurício Barbosa, entre outras autoridades, esteve na cidade para inaugurar o mais novo equipamento de segurança da região oeste da Bahia. "De todos os equipamentos [Disep] que já entregamos até hoje, este é o maior. Antigamente, as polícias ficavam separadas, cada uma num canto [da cidade]. A nossa proposta com esse equipamento é contribuir para que seja realizado um trabalho articulado", disse Rui Costa. 
O governador também entregou 542 títulos que comprovam a titularidade da terra a pequenos produtores rurais do Território do Velho Chico e uma motoniveladora (patrol) à Prefeitura de Bom Jesus da Lapa, além de anunciar novos investimentos para a cidade. "É um prazer estar aqui realizando entregas de obras que vão melhorar a vida das pessoas. Já tenho compromisso com a cidade. E agora com o bispo [Dom João Cardoso] de executar o projeto de reurbanização cênica [do Santuário de Bom Jesus da Lapa]". 
Mais segurança 
Rui Costa frisou ainda que o Disep faz parte de um novo conceito de segurança pública. "Por isso é um equipamento moderno, novo, onde todos vão trabalhar juntos com um só objetivo: melhorar a segurança pública", afirmou. De acordo com o secretário Maurício Barbosa, o Disep de Bom Jesus da Lapa é o sexto de 32 distritos que serão construídos, equipados e entregues pelo Governo do Estado. "Seguimos critérios técnicos preestabelecidos para cada cidade, para cada região".

Para a professora Marina Ramos, moradora de Bom Jesus da Lapa, a implantação do novo equipamento de segurança representa mais tranquilidade para as famílias, mas também aos comerciantes. Ela destacou que a presença do Departamento de Polícia Técnica (DPT) vai evitar que corpos sejam enviados para Barreiras para serem examinados. "A vida toda sofremos indo para Barreiras, acompanhando nossos entes queridos lá por oito dias [e] a gente velando só a parede".
Durante a inauguração, o diretor-geral do DPT, Elson Jefferson da Silva, ressaltou a importância da implantação do centro integrado composto por necrotério e criminalística para uma cidade como Bom Jesus da Lapa. "Teremos quatro peritos médicos legais que vão atuar aqui nesta região. Estamos terminando agora em dezembro um curso [de formação] para 60 médicos [legais]". 
Escrivães, delegados, investigadores e auxiliares administrativos compõem a equipe da Polícia Civil no Disep Bom Jesus da Lapa. Além de celas, copas, sanitários e alojamentos, o distrito dispõe de recepções e salas de investigação. 
Posse da Terra
Dos 542 títulos de terra entregues por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), um foi para a pequena produtora rural Maria de Fátima Amaral, da comunidade Fazenda da Pedra, em Bom Jesus da Lapa. "Estamos muito felizes. Com o título na mão, tudo fica mais fácil para a gente conseguir empréstimos, financiamentos. Vou trabalhar melhor, mexer com as minhas terras".
Repórter: Jhonatã Gabriel 

Atualizada às 15h22
Publicada às 12h50