O secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, apresentou nesta terça-feira (10), em Londres, as oportunidades de investimentos nas áreas de saúde digital, medicamentos, gestão e construção de hospitais, consórcios e policlínicas. O evento, organizado pelo governo britânico, teve a participação de empresários e autoridades governamentais britânicas, como o ministro das Ciências da Vida, George Freeman. 
O National Health System (NHS), traduzido como Sistema Nacional de Saúde do Reino Unido, é um dos mais antigos do mundo e, além de ser um modelo universal e gratuito – o que inspirou a criação do Sistema Único de Saúde (SUS) no Brasil -, é eficaz. Replicar as experiências bem sucedidas desse modelo criado em 1948 é um dos interesses do governo britânico. Nesse sentido, o Reino Unido vislumbrou nos projetos baianos a oportunidade de iniciar uma cooperação no país. 
“Nos últimos três meses, mantivemos contato com a embaixada e o consulado britânicos, consolidando as oportunidades de atração de investimentos na área”, afirmou Vilas-Boas, que foi um dos brasileiros convidados pelo UK Trade & Investment Fund (Fundo de Comércio e Investimento do Reino Unido).
Curso de Medicina 
O secretário também vai a Portugal, a fim de participar da solenidade de assinatura do protocolo de cooperação entre a Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) e as Obras Sociais Irmã Dulce (Osid). O encontro acontece na quinta-feira (12), na cidade do Porto, e terá a presença da presidente da Osid, Maria Rita Pontes, além da diretora da FMUP, Maria Amélia Ferreira.

Fonte: Ascom/Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab)