O secretário de Meio Ambiente da Bahia, Eugênio Spengler, e o comandante do Corpo de Bombeiros, Francisco Telles, embarcaram para a Chapada Diamantina, na tarde deste sábado (15), com o objetivo de acompanhar de perto a situação dos incêndios florestais. Segundo Spengler, o trabalho, que vem sendo desenvolvido pela equipe da Operação Bahia sem Fogo, ganhará reforços com a contratação de mais duas aeronaves modelos Air Tractor, que já foram enviadas para Lençóis, e de três carros-pipas. 
"Até o momento, o governo já investiu mais de seis milhões em contratações de equipamentos, como aviões, helicópteros, vans, ônibus, pagamentos de diárias, e demais materiais necessários para o funcionamento de toda a operação. Estamos dedicando o maior número de esforços para que possamos debelar os incêndios, o mais rápido possível, pois as queimadas trazem prejuízos, não só ambientais, mas também para a saúde pública e para a economia do Estado”, explicou Spengler.
O secretário ressaltou ainda a necessidade da intensificação da parceria entre o Governo do Estado e as prefeituras, para que possam trabalhar de maneira conjunta nesse momento de crise. Na visita à região da Chapada Diamantina, Spengler também fará uma reunião de alinhamento com todos os participantes da Operação Bahia sem Fogo, que envolve brigadistas, bombeiros, peritos, técnicos de fiscalização do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) e da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) para orientar os próximos passos a serem seguidos.
A equipe de técnicos da Sema, Inema e bombeiros permanece em tempo integral na região, focada em combater os focos de incêndios, auxiliando nas atividades de prevenção e monitoramento. A medida integra o Programa Bahia sem Fogo de combate aos incêndios florestais, que é coordenado pela Sema. 

Fonte: Ascom/Secretaria do Meio Ambiente (Sema)