A lista complementar de entidades habilitadas e inabilitadas para concorrer ao processo eleitoral dos representantes da sociedade civil da Comissão Estadual de Sustentabilidade de Povos e Comunidades Tradicionais (CESPCT) foi publicada no Diário Oficial do Estado nesta quinta-feira (19) e também pode ser conferida no site da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi).

Serão selecionados 18 integrantes, distribuídos nos segmentos de povos indígenas (3), quilombolas (3), povos de terreiro (3), fundos de pasto (2), fechos de pasto (2), pescadores e pescadoras (1), povos ciganos (1), extrativistas (1), geraizeiros (1) e marisqueiras (1). As eleições acontecem nos dias 3 e 4 de dezembro deste ano, durante o Encontro Estadual de Povos e Comunidades Tradicionais, na Sepromi, em Salvador.

A CESPCT

Formada por 18 representantes do poder público e igual número da sociedade civil organizada, a Comissão é uma instância colegiada vinculada à Sepromi, de caráter deliberativo, com a finalidade de coordenar a elaboração e implementação da Política Estadual de Sustentabilidade dos Povos e Comunidades Tradicionais da Bahia.

Fonte: Ascom Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi)