A utilização do Programa de Microcrédito do Estado da Bahia (CrediBahia) como ferramenta de inclusão social foi destacada pela Secretaria do Trabalho Emprego Renda e Esporte (Setre) na abertura da 10ª Oficina de Agentes de Crédito do CrediBahia, nesta terça-feira (17). O evento, que faz parte das comemorações do ‘Outubro Empreendedor’, continua até esta quarta (18), no Hotel Bahia Sol, no bairro de Patamares, em Salvador. Estão participando do encontro 138 agentes de 90 municípios.

O secretário estadual Álvaro Gomes disse, na abertura da oficina, que a Economia Solidária tem recebido atenção especial da Setre e que o CrediBahia transforma vidas. “O programa estadual de microcrédito tem uma importância muito grande e vem crescendo bastante. Somente este ano, já liberamos R$ 54 milhões e nosso objetivo é chegarmos a R$ 60 milhões”.

Na ocasião, o coordenador de Microfinanças da secretaria, Weslen Moreira, apresentou um perfil do CrediBahia. Em seguida, a gerente de Microfinanças da Agência de Fomento do Estado da Bahia, Márcia Fonseca, destacou o papel da Desenbahia no programa e enquanto a representante do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Adriana Pereira, falou sobre educação financeira.

Homenagens

Nesta quarta, a partir das 9h, o evento segue com várias homenagens. Vinte e sete prefeitos dos municípios, onde o CrediBahia apresentou melhor desempenho no número de empreendedores beneficiados, serão agraciados pela Setre com placa comemorativa. Também serão homenageados os agentes de crédito que mais se destacaram.

O superintendente de Economia Solidária da Setre, Milton Barbosa, enfatizou que o agente de credito é peça essencial no programa CrediBahia. “Ele está na região, conhece os empreendedores e, além disso, pode acompanhar o seu desenvolvimento. Esta oficina se torna mais importante pela troca de experiência”. A programação prevê ainda assinatura do Protocolo de Compromisso de Adesão ao CrediBahia por 88 municípios.

O programa é resultado da parceria entre o Estado, por meio da Setre e a Desenbahia, o Sebrae-BA, e os municípios que assinam o Termo de Adesão. Criado em abril de 2002, o programa está presente em 184 municípios nos 27 territórios de identidade da Bahia.

Fonte: Ascom/Secretaria do Trabalho Emprego Renda e Esporte (Setre)