A Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS) contemplou mais duas comunidades rurais com água potável. Nesta sexta-feira (13), o vice-governador e secretário do Planejamento, João Leão, entregou um sistema de abastecimento de água nos povoados de Lagoa do Curral e Couro Seco, localizados no município em Itaberaba, no centro norte da Bahia.

Ao todo são 135 ligações domiciliares que representam investimento da ordem de R$ 610.490,68, oriundos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Funcep), beneficiando 437 moradores. “Tenho um carinho especial por essa terra. Estar aqui para trazer água a comunidades rurais e inaugurar a requalificação da Praça Ruy Barbosa me emociona", enfatizou o vice-governador.

João Leão disse ainda que “temos uma responsabilidade muito grande com Itaberaba e vamos levar água a outros lugares deste município, a exemplo do povoado de Salinas”. Segundo ele, a Secretaria do Planejamento do Estado (Seplan) está preparando um projeto de desenvolvimento regional adequado às riquezas de cada território.

Acompanhando o vice-governador, o titular da SIHS, Cássio Peixoto, afirmou que os sistemas são uma reivindicação antiga dos moradores. “Além de não terem acesso à água de qualidade, essas pessoas se viam obrigadas a dispensar esforços subumanos para obter o líquido […]”. Como enfatizou, “essa realidade a partir de agora será outra”. O secretário afirmou que melhorar a vida dos baianos, em especial de quem reside nas comunidades dispersas, está entre as principais metas do Executivo Estadual. “Afinal quem tem sede tem pressa”.

Sistema integrado

Na cerimônia, o secretário anunciou a ampliação do Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA) em Itaberaba, que atende ainda às cidades de Ruy Barbosa, Macajuba e Baixa Grande, e atualmente capta água do Rio Paraguaçu, mas abastece apenas 55 mil pessoas. Segundo ele, o sistema está no limite de produção em função de questões técnicas da estação de tratamento. Para a obra, a ser realizada pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), estão previstos investimentos da R$ 570 mil

Com a ampliação, a Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, por meio da Embasa, levará água a 85 comunidades de Itaberaba, 24 localidades de Ruy Barbosa, 14 em Macajuba e 17 em Baixa Grande, beneficiando 124 mil pessoas.

Outro anúncio comemorado pela população é a continuidade da primeira etapa das obras de execução do sistema de esgotamento sanitário de Itaberaba, com 644 ligações intradomiciliares, que beneficiam 2.450 habitantes através da destinação de R$ 6 milhões. O secretário informou que a segunda etapa do esgotamento sanitário será executada com recursos da OGU/Embasa, beneficiando 74 mil pessoas em 17.044 ligações intradomiciliares.