O Governo da Bahia realizou, nesta quarta-feira (27), a terceira audiência pública para dialogar sobre o Projeto de Segurança Hídrica do Vale do Paramirim, na cidade de Érico Cardoso, localizada no centro sul da Bahia. Na ocasião, também foi apresentado à população o projeto de esgotamento sanitário que será implantado no município, parte do plano de segurança hídrica da região. O evento aconteceu no Clube Social local com a presença de aproximadamente de 500 participantes, entre representantes do governo estadual, prefeitos, lideranças locais e da sociedade civil.

Na encontro, o secretário estadual do Meio Ambiente, Eugênio Spengler, afirmou que o objetivo do evento é abrir um debate com a população, ouvindo as suas demandas. “O projeto de desenvolvimento do Vale do Paramirim passa diretamente por Érico Cardoso. Precisamos ampliar o debate, respeitando as opiniões distintas e contribuindo sempre para o diálogo contínuo”. Segundo ele, “a democratização do uso da água é de fundamental importância e deve ser priorizada. Estamos propondo um projeto de segurança hídrica que vai beneficiar toda a região”.

O titular da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) destacou ainda que o Governo do Estado entende que o acesso a água é necessário não apenas para o abastecimento humano, mas também para o desenvolvimento da região. “Há um projeto de modernização da irrigação sendo desenvolvido para garantir também a segurança hídrica na agricultura”. Ele disse que o governo também vai atuar na manutenção das nascentes e recuperação das matas ciliares da região.

Esgotamento sanitário

Durante a audiência, o gerente de projetos da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb), Tiago Lima, apresentou o projeto de esgotamento sanitário de Érico Cardoso, que está em fase de revisão. As obras devem ser iniciadas em 2016. “Trata-se de uma iniciativa importante que vai assegurar a melhoria da qualidade da água na Barragem do Zabumbão”.

O prefeito de Érico Cardoso, João Paulo Souza, afirmou que a construção da Adutora do Zabumbão, parte do Projeto de Segurança Hídrica do Vale do Paramirim, tem total condição de garantir o abastecimento dos municípios e localidades beneficiadas. “Há uma grande expectativa do nosso povo frente a essa ação. Esperamos todos que as desigualdades sejam amenizadas a partir da implantação dessa iniciativa”.

Presente no evento, o presidente da Câmara de Vereadores de Érico Cardoso, Erivelton Andrade, defendeu a implantação do sistema de saneamento básico do município, melhorias no abastecimento de várias comunidades da zona rural, bem como ressaltou a necessidade de se preservar as inúmeras nascentes localizadas no território.