A reunião da Secretaria de Relações Institucionais do Estado (Serin) com representantes das centrais sindicais baianas, nesta quarta-feira (11), em Salvador, foi considerada “positiva” pelo titular da pasta, Josias Gomes. “Sinaliza um novo momento na relação das centrais sindicais com o governo, além de permitir que tenhamos um acompanhamento cotidiano na agenda política com os trabalhadores”.

Segundo o secretário, outras reuniões irão acontecer, estabelecendo nova prática na interlocução política com os trabalhadores baianos. “Essa iniciativa que tomamos, convidando-os para o encontro, resultou em um bom debate. Entre outros temas, já estamos articulando os preparativos para a comemoração de 1º de Maio, Dia do Trabalho”.

O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT-Bahia), Cedro Silva, afirmou que as lideranças reconhecem e agradecem “o esforço do governo em dialogar com a sociedade, nos convidando para esse encontro. Avalio como algo positivo porque a classe trabalhadora entende que é muito importante poder estar discutindo e apontando ao governo os melhores caminhos para a classe trabalhadora”.

O encontro aconteceu em almoço no restaurante Grande Sertão, no bairro do Costa Azul, com a participação do presidente da regional Bahia do Sindicato Nacional dos Aposentados da Força Sindical e vice-presidente no estado, Nilson Santos Bahia, e do presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT) na Bahia, Magno Lavigne.

Participaram ainda o secretário da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil, Ailton Araújo, o presidente da Nova Central Sindical de Trabalhadores, José Ramos Félix da Silva, a secretária da Mulher da CTB Bahia e coordenadora da APLB – Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, Marilene Betros, e o secretário da CTB Bahia, Claudemir Nonato.