Uma Concha Acústica mais segura, acessível e confortável. É desta forma que a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult-BA) pretende entregar o espaço cultural ainda no primeiro semestre de 2015. O secretário estadual de Cultura, Albino Rubim, acompanhado do chefe de gabinete da pasta, Rômulo Cravo, do diretor geral do TCA, Moacyr Gramacho, e da diretora artística do complexo, Rose Lima, visitaram na manhã desta segunda-feira (22) as obras do projeto NOVO TCA, que nesta 1ª etapa contemplará a requalificação da Concha Acústica, a construção de um deck park com 300 vagas de estacionamento e as bases da nova Sala Sinfônica. “A Concha terá um ganho técnico, pois vai oferecer mais possibilidades cênicas e se tornará um espaço ainda mais versátil. Para o público, o ganho será em conforto e segurança, com o aumento do número de catracas, da área de circulação, novos banheiros, camarotes mais espaçosos, enfim, um espaço modernizado e que funcionará dentro de todas as normas de segurança e acessibilidade”, declarou Moacyr.

Os investimentos realizados nesta 1ª fase, que teve suas obras iniciadas em dezembro de 2013, somam o valor total de R$ 66 milhões. Na visita, a equipe foi recebida por André Sampaio, um dos sócios da AXXO Construtora – empresa responsável pelas obras do projeto NOVO TCA – e também por Carlos Maurício Alves, Gerente de Obras da empresa. “Aqui, a gente entende realmente a grandeza e a dimensão do que vai ser o Novo Teatro Castro Alves que, sem dúvida, se tornará um dos centros culturais mais importantes da América Latina. É impressionante constatar a quantidade de terra que teve que ser retirada, o volume de escavações, as estruturas que estão sendo erguidas, enfim, é um desafio de engenharia gigantesco, mas que está sendo enfrentado de forma muito séria e competente por todos os envolvidos”, afirmou Albino.

“O governo do Estado tem um grande projeto nas mãos que é o de requalificar e de ampliar este grande e importante complexo cultural. E eu tenho certeza que este sonho, que é de todos, não acaba com o fim desta 1ª etapa”, atestou o diretor do Teatro Castro Alves. O desafio previsto na 2ª etapa do projeto NOVO TCA contempla a criação de uma Sala de Cinema, a reforma de toda a área administrativa e da Sala Principal, a construção da Sala Sinfônica com 600 lugares, que oferecerá aos músicos e ao público qualidade acústica de padrão internacional, além da transformação do Centro Técnico num Centro de Referência em Engenharia do Espetáculo (CREE).