O engarrafamento da hora do rush vai pesar ainda menos sobre os ouvintes da Educadora FM 107.5, durante o mês de março. Passado o Carnaval, o Especial das Seis preparou a ‘Série Música e Poesia’, a ser veiculada todas as quintas-feiras do mês, às 18h, com edições apresentadas por Adriana Calcanhoto, Lirinha, Maviael Melo e Estrela Leminski, cantora e filha de Paulo Leminski.

O programa traz a relação entre duas expressões artísticas que marcaram várias carreiras e discos feitos no Brasil.

Várias outras edições do E6 também vão ser dedicadas ao elo entre essas duas expressões artísticas. No CD ‘Água Lusa’, o mais novo de Jussara Silveira, o poeta português Thiago Torres da Silva teve os versos cantados pela artista que vai dar uma aula de fado na edição do dia 10.

Outra ponte entre Brasil e Portugal acontece no próprio Dia Nacional da Poesia, 14 de março. Conhecido por filmes como ‘Meteorango Kid’, o cineasta e compositor André Luiz Oliveira apresentará uma amostra de dois dos três CDs nos quais ele musicou 44 poemas do livro ‘Mensagem’, o único lançado em vida por Fernando Pessoa.

Cidade ou sertão

Na cidade ou no sertão, o elo entre música e poesia acontece em diferentes formas, incluindo a atuação de cantadores como João Bá, que comemorou 80 anos com o álbum ‘Cavaleiro Macunaíma’. O trabalho será destaque na edição do dia 17.

E se o RAP significa ‘rythm and poetry’ (ritmo e poesia), não poderia ficar fora da programação. Por isso a edição de 19 de março será com o grupo baiano Opanijé, que recentemente lançou o primeiro CD. Entre as faixas, destaque para ‘Se Diz’, que ganhou elogios de Chuck D, do Public Enemy.

Paulo Leminski e a MPB

Poeta cantado por nomes como Caetano Veloso, Arnaldo Antunes, Moraes Moreira e Itamar Assumpção, o curitibano Paulo Leminski, que faria 70 anos em 2014, foi escolha natural para abrir a série que começou a ir ao ar no dia 6 de março. Mais de 20 anos após a morte, a antologia ‘Toda Poesia’, com 600 poemas dele, figurou entre os livros mais vendidos pela Livraria Cultura em 2012.

Nesta edição, Estrela Leminski explica um pouco do processo de criação do pai e as relações que ele desenvolveu na cena musical. “Ele sempre abria shows de Jorge Mautner”, relembra. Você acessa o programa no Portal Multimídia do Irdeb  – catálogos de programas da Educadora FM.

Adriana Calcanhotto

“Minha relação com a poesia começou através da música, como acho que acontece com a maioria das pessoas no Brasil. Não é uma coisa que vem da escola”, conta Adriana Calcanhotto já no começo da edição do dia 13 de março.

Com o objetivo de levar esta arte para mais perto das crianças, ela lançou no ano passado o livro ‘Antologia Ilustrada da Poesia Brasileira’, que traz ilustrações dela para poemas de Ferreira Gullar, Vinícius de Moraes e Décio Pignatari, entre outros.

Neste Especial das Seis, músicas feitas a partir de poemas de nomes como Drummond e Antônio Ciro, além de relembrar o disco ‘A Fábrica do Poema’, lançado por Adriana Calcanhotto há 20 anos.

A Poesia de Lirinha

Muito antes de se tornar vocalista do já desativado Cordel do Fogo Encantado, o cantor e compositor Lirinha trazia a influência da poesia de cordel. Ao deixar a banda, José Paes de Lira manteve essa referência, declamando versos em canções de Otto e Siba e incorporando um pouco disso no primeiro CD autoral, ‘Lira’.

No Especial das Seis do dia 20, Lirinha comenta um pouco da trajetória e os trabalhos em outras discografias.

Maviael Melo

Um artista veterano, nascido em Pernambuco e radicado na Bahia, apresenta o Especial das Seis do dia 27 de março. Maviael Melo lançou neste ano o disco ‘Entre a Ponte dos Sonhos’, que traz a relação entre poesia e música com influência da poesia dos cantadores. O CD traz canções como ‘Chegou a Vez’ e declamações como a da divertida ‘Campanha Eleitoral’.