O Carnaval da Cultura garante a diversidade e muita animação neste fim de semana (1º e 2) para os foliões. Promovido pelo Governo do Estado, o Carnaval da Cultura  apoia centenas de artistas, grupos e entidades carnavalescas que participam do Carnaval do Pelô, do Carnaval Ouro Negro, do Carnaval Pipoca e também de Outros Carnavais.

OURO NEGRO

Ilê Aiyê comemora 40 carnavais

Neste sábado (1º), às 20h, acontece a saída do bloco Ilê Aiyê. Depois do desfile pelas ruas do bairro da Liberdade, o Ilê se desloca para o campo Grande, onde deve entrar na avenida na madrugada de domingo (2). Com mais de 2 mil foliões, o tema "Do Ilê Axé Jitolu para o Mundo – Ah se não fosse o Ilê Aiyê", é uma homenagem aos  40 anos do bloco.

Festa começa cedo do centro da cidade

O bloco infantil “Todo Menino é um Rei”, abre o Carnaval Ouro Negro neste sábado (1º), às 16h, no Campo Grande. Outras entidades também participam do Ouro Negro no circuito Osmar: o bloco Malê Debalê, do bairro de Itapuã, que comemora 35 anos; o Bankoma, de Lauro de Freitas, e o Muzenza, da Liberdade, que homenageia Bob Marley e tradições culturais afro-jamaicanas. O Muzenza traz como tema: “Reggae, futebol e paz”.

Samba também marca presença

Vai dar samba neste sábado (1º) na Avenida. Os sucessos nacionais do grupo Revelação puxam o bloco Vem Sambar, a partir de 17h40. Às 21h é a vez do bloco Quintal do Samba, que tem como convidados o compositor, cavaquinista e interprete Valmir Lima, padrinho do grupo; Gal do Beco; e o cantor e compositor Paulinho Feijão.

Filhos de Gandhy desfila com 8 mil homens

O carnaval do Afoxé Filhos de Gandhy começa no domingo (2), às 15h, com saída da sede, no Pelourinho, em direção à Rua Chile. O Afoxé comemora 65 anos e vai às ruas em homenagem à cultura dos terreiros de Candomblé: “Gandhy, Fé, Religião, Tradição”. Cerca de 8 mil homens devem participar do desfile.

Afrodromo é destaque domingo

O Afrodromo é o destaque do Carnaval Ouro neste domingo (2), com os Commanches, Muzenza e o Combio Africano e a participação de Carlinhos Brow, além da  bateria do Apaches do Tororó com 300 músicos, celebrando 35 carnavais. 

PIPOCA

Rixô Elétrico leva guitarra baiana à avenida

Uma mistura de ritmos, embalada pela guitarra baiana e muita percussão. É microtrio o Rixô Elétrico, que neste sábado (1º) faz sua segunda participação no Carnaval Pipoca, às 17h, no circuito Osmar. O Rixô nasceu com o mesmo objetivo que a Fobica da década de 1950: levar, de graça, alegria e cultura ao público. Discípulo de Osmar Macedo, Fred Menendez iniciou seu trabalho com o pau elétrico, como primeiro foi chamada a guitarra baiana, aos 13 anos de idade.

Mais microtrios

Microtrios fazem a festa do folião pipoca neste final de semana. O Coreto Elétrico, comandado pelo cantor Alex da Costa, estreia neste sábado (1º), às 17h, no circuito Batatinha e volta a tocar no circuito Dodô, domingo (2), às 22h. O MicroTrio 2014, uma tradição de 18 anos comandada pelo baterista Ivan Uol, estará no circuito Dodô no sábado (1º), às 14h30, e no circuito Osmar no domingo (2), às 12h15. Domingo (2), às 16h, o Tabuleiro Sonoro levanta a galera ao som do seu afropop baiano no circuito Batatinha.

PELÔ

Dorival Caymmi é o homenageado

Neste sábado (1º), no palco principal, no Largo do Pelourinho. As cantoras Cláudia Cunha, Jussara Silveira e Sandra Simões apresentam o espetáculo É Doce Cantar Caymmi. No repertório, canções que revelam o gosto de Dorival pelo samba. No mesmo palco, às20h30, a cantora Márcia Castro promete trazer convidados especiais. No encerramento, destaque para o show Vozes Foliãs – De Caymmi aos Carnavais Negros, com Robson Morais, Ângela Lopo e Silvinha Torres.

Reggae, maracatu e samba

Neste sábado (1º/), no Largo Pedro Archanjo, tem Maracatu Bezouro Avoador e Val Macambira, às 16h. Às 19h, a Orquestra Fred Dantas comanda a festa,e, às 22h, começa o Bailinho de Quinta. O Largo Tereza Batista, a partir das às 20h, se transforma na Praça do Frevo com o tema Futebol e Folia,projeto do cantor e compositor Carlos Pitta. Depois, quem toma conta do palco é o reggae de Ras Ednaldo, às 22h. No Largo Quincas Berro D’Água quem esquenta a festa é a cantora afro Graça Onasilê, às 19h, e a sambista Gal do Beco, às 22h.

Baiana System e Dão no domingo

Domingo (2), o show Esse Mundo é um Pandeiro começa às 18h levando ao palco principal do Largo do Pelourinho a Orquestra de Pandeiros de Itapuã, Marcos Suzano e Cacau do Pandeiro. Às 20h30, a banda BaianaSystem agita o folião pipoca ao som da guitarra baiana. Às 22h30 começa o show Quilombola Soul, que reúne o cantor da blackmusic, Dão, o rapper DaGanja e Princess.

 Música para todos os gostos

O domingo também promete ser agitado nos demais largos do Pelourinho. A Orquestra Paulo Primo se apresenta às 19h no Pedro Archanjo, que também recebe o reggae do Bailão da Diamba, às 22h. O Tereza Batista dá continuidade ao projeto Praça do Frevo, às 20h. E a partir das 22h30 é Afro Jhow quem dá as coordenadas. No Quincas Berro D’Água, se apresenta o guitarrista Parah Monteiro, às 18h. O resto da noite vai ser de muito samba, com Matildes e o Fora da Mídia.

 Bandinhas e bandões

Bandinhas e bandões percorrem as ruas do Pelourinho das 16 até às 23h. Marcam presença Bandão Buroko, Bandão Jurema, Bandão Oficina de Frevos e Dobrados, Percussão Maracatu Santo Antônio, Bandinha Alegria Alegria e mais uma dezena de atrações.

OUTROS CARNAVAIS

Desfile de mascarados em Maragojipe

Máscaras, fantasias, marchinhas e fanfarras fazem do Carnaval de Maragojipe uma manifestação singular da diversidade cultural e artística existente na Bahia, já reconhecida pelo Governo do Estado como Patrimônio Imaterial. O desfile dos mascarados anima a cidade todos os dias da festa. Neste sábado (1º), a programação oficial começa às 18h na Praça dos Mascarados, com Samba de Roda Filhos de Oxossi, Samba de Roda Maragogó, Lui Muritiba, Toté e Índus. Domingo (2), o cantor Gerônimo é uma das atrações .

Palco do Rock em Piatã completa 20 anos

A 20ª edição do Palco do Rock vai balançar o coqueiral da praia de Piatã, sempre às 19h. Até terça-feira (4), mais de 30 mil foliões são esperados no local. Neste sábado (1º) se apresentam as bandas NotNames, Jato Invisível, Batalha Cênica, Guga Canibal,Pastel de Miolos, Veuliah, Overturn e Voodoo Priest. Domingo (2) é a vez de Papo Reto, Circo de Marvin, Desrroche, Agressivos, Mercy Killing, Korzus, Behavioure Rosa Tattoada subirem ao palco.

A programação completa do Carnaval da Cultura está disponível nos sites da Secretaria da Cultura  e do Carnaval da Bahia.