O Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) inaugura nesta quarta-feira (18) sua mais nova unidade de atendimento. O Ponto Cidadão, unidade compacta da Rede SAC, irá à localidade de Guarajuba, distrito de Camaçari, Litoral Norte da Bahia.

A unidade irá funcionar no Guarajuba Shopping, situado na Rodovia BA 099, quilômetro 42,5, Praia de Guarajuba. O atendimento será de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, com a oferta da documentação básica necessária à cidadania. Esta é a 46ª unidade fixa de atendimento inaugurada pelo SAC. De 2007 até hoje, a rede foi ampliada em 78%.

O Ponto Cidadão de Guarajuba irá ofertar diariamente 150 senhas de atendimento para a emissão da carteira de identidade, CPF, certidão negativa de antecedentes criminais e carteira de trabalho, além dos serviços de seguro desemprego e intermediação de mão de obra e atendimento para a Previdência Estadual. Os serviços serão oferecidos em parceria com a Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Secretaria da Segurança Pública (SSP) e Secretaria da Receita Federal.

Criado em 2007 pela atual gestão estadual, o Ponto Cidadão tem a finalidade de atender municípios de pequeno e médio porte ainda não cobertos pela Rede SAC. Esta tecnologia de atendimento tem por objetivo a inclusão territorial, com a oferta de documentação básica dos cidadãos em diferentes regiões do estado.

A Rede SAC já registra mais de 100 mil atendimentos realizados pelo Ponto Cidadão. Além de Guarajuba, a unidade compacta está presente nas cidades de Camamu, Coaraci, Central, Cruz das Almas, Curaçá, Inhambupe, Itaberaba, Luís Eduardo Magalhães, Maracás, Mucugê, Olindina, Presidente Tancredo Neves, Santa Maria da Vitória e Serrinha.

A iniciativa integra o projeto de ampliação do SAC, que nos últimos seis anos estendeu em 74% sua atuação em todo o estado. Em 2006, a Bahia contava com 25 postos, sendo 11 na capital e região metropolitana e 14 em municípios do interior, além de duas unidades móveis.

Atualmente, são 30 postos, 14 na capital e região metropolitana e 17 no interior, além de três unidades móveis de atendimento e agora 15 Pontos Cidadão, além do SAC Servidor, totalizando 50 unidades de atendimento da rede, que tem por prioridade estender a oferta de serviços para cidades mais distantes da capital e se pautando por novas diretrizes de inclusão social, isonomia no atendimento e evolução na qualidade dos serviços prestados.