A população de Salvador ganha mais um presente esta semana – o início da construção do Complexo de Viadutos do Imbuí. Os detalhes da obra estão entre os destaques do programa de rádio Conversa com o Governador desta terça-feira (16), dia em que a ordem de serviço vai ser assinada. “É para o serviço começar já. É uma obra de R$ 63 milhões, que vai facilitar muito para quem trafega pela Avenida Paralela, oriundo do Iguatemi ou da área do Aeroporto”, afirma Jaques Wagner.

O governador comenta ainda os principais investimentos estaduais na área da saúde e ressalta o prêmio que o governo receberá em Washington, também esta semana, pela construção e operação, na modalidade Parceria Público-Privada, do Hospital do Subúrbio (HS). Outro assunto é a descentralização do desenvolvimento, com os benefícios levados ao interior do estado – implantação da fábrica de laticínios em Ibirapuã, além da ampliação do parque eólico em Sento Sé.

Sistema Viário do Imbuí

No programa, Wagner fala sobre o Sistema Viário do Imbuí, que “vai facilitar o acesso aos bairros de Narandiba, Tancredo Neves e Cabula, além do fluxo para o Imbuí e a própria Orla, evitando alguns retornos que diminuíam o fluxo e a velocidade de tráfego na Avenida Paralela – o grande centro de congestionamento, responsável por fazer as pessoas perderem horas para ir e vir da casa para o trabalho”.

Segundo o governador, a obra faz parte de um conjunto de investimentos realizados em convênio com o governo federal e que somam R$ 1 bilhão. “Com a Avenida Pinto de Aguiar, a Orlando Gomes, a Gal Costa e a 29 de Março, mais a chegada do metrô, nós vamos conseguir finalmente dinamizar e melhorar a questão do tráfego em Salvador”.

Ele destaca o prêmio que o Governo do Estado vai receber, nesta quinta-feira (18), em Washington, pela construção e operação do Hospital do Subúrbio, afirmando ser apenas um dos resultados obtidos com os investimentos na área de saúde. “É um hospital com 268 leitos, sendo 208 de enfermaria e os outros de UTI, inclusive uma UTI pediátrica”.

De acordo com Wagner, os baianos dispõem hoje de mais de 500 Postos de Saúde da Família, além do Programa Saúde em Movimento, que já realizou 100 mil cirurgias de catarata. “São seis hospitais novos construídos. É a expansão do Samu 192, do número de transplante que estamos fazendo na rede SUS, da nossa Hemoba”.

Energia eólica em Sento Sé

O novo parque eólico de Sento Sé vai produzir 30 megawatts/ano, segundo Wagner. “Seria possível, com essa geração, iluminar e abastecer de energia uma cidade do tamanho de Feira de Santana, perto de 600 mil habitantes. É um investimento importante, R$ 330 milhões. Eles já se comprometeram a fazer a duplicação do investimento”. O governador diz que “a Bahia vem se caracterizando, se notabilizando no Brasil como o maior centro de energia dos ventos do Brasil e da América Latina”.

Ele também afirma que, em Sento Sé, assinou ordem de serviço para restauração e pavimentação de mais um trecho da BA-210, que, ao todo, tem aproximadamente 600 quilômetros. Com esse trecho, a gente vai recuperando em torno de 300. Já estamos preparando a licitação para mais 100, ou seja, dos 600 vamos entregar 400.

A fábrica de laticínios de Ibirapuã é a maior do Nordeste e vai gerar 400 empregos diretos e cerca de sete mil indiretos. “Essa indústria é fundamental para todos os produtores de leite, pois garante a compra do leite”. O governador se despede falando sobre a posse e desejando boa sorte à nova secretária do Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza, Moema Gramacho.

O programa Conversa com o Governador é produzido pela Secretaria de Comunicação Social do Governo da Bahia (Secom), veiculado pela rádio Educadora FM 107,5 Mhz e disponibilizado na página do Conversa para as emissoras de rádio e outros segmentos de comunicação que replicam o conteúdo.