A titular da 7ª Delegacia Territorial (DT/Rio Vermelho), delegada Jorvane Andrade, instaurou, nesta quarta-feira (26), inquérito policial para identificar e prender o autor do ato de vandalismo contra a escultura do escritor Jorge Amado, ocorrido na madrugada de sábado passado (22).

A delegada esteve pessoalmente no Largo de Santana, no Rio Vermelho, onde a obra está exposta, ouvindo comerciantes, ambulantes, guardadores de carros e outras pessoas que trabalham no local. Ela também solicitou exames periciais ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) para saber se houve algum dano estrutural e qual o objeto usado para danificar a escultura.