A Polícia Civil da Bahia entrega nos próximos 60 dias seis Delegacias Territoriais (DTs) reformadas na capital e no interior. Inserida no planejamento anual da Secretaria da Segurança Pública (SSP), a iniciativa integra o programa Pacto pela Vida, que, além de buscar a redução nos índices de criminalidade no estado, pretende também melhorar as condições de trabalho dos servidores policiais e oferecer maior comodidade e conforto ao público.

Até o final do ano, outras doze delegacias serão entregues à população totalmente reformadas. A DT de Maragojipe, por exemplo, que fica a 134 quilômetros de Salvador, já está funcionando há um mês com as novas instalações. Com média de 20 atendimentos diários, ganhou novos móveis, equipamentos e um novo acesso para as viaturas.

O titular da unidade, delegado Adeilton Pereira, informou que o ambiente ficou bem melhor para o desempenho das diversas atividades e o atendimento ao público mais rápido. “Conseguimos sanar os problemas e agora é possível atender a população com conforto e dignidade”.

Obras

Também no interior as DTs de Eunápolis e Xique-Xique estão em fase final de acabamento. Em Salvador, são as DTs de Brotas, Rio Vermelho, Pau da Lima e Tancredo Neves. Uma unidade especializada, a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV), localizada nas dependências do Detran/BA, na Avenida ACM, também foi reformada e, em breve, estará retornando ao espaço. Atualmente funciona na região do Iguatemi.

A recuperação das instalações físicas das unidades policiais inclui serviços de manutenção elétrica e hidráulica, pintura, desobstrução da rede de esgotamento sanitário e melhoria do sistema de iluminação. Móveis antigos e diversos equipamentos foram substituídos por outros mais modernos. Segundo o diretor do Departamento de Administração Planejamento e Finanças (Depaf), delegado Gildécio Souza, as intervenções vão otimizar o trabalho nas delegacias, permitindo plantões ininterruptos e mais de dois delegados por unidade.

O diretor do Depaf salientou que, nos próximos dois anos, está prevista a recuperação de todas as unidades da Polícia Civil em Salvador e região metropolitana. “Os bairros do Cabula, Saramandaia, Plataforma e Cajazeira vão ganhar delegacias territoriais, já criadas pelo Governo do Estado”.

Licitadas obras para complexos policiais da Baixa do Fiscal e dos Barris

As obras de reforma dos complexos policiais da Baixa do Fiscal e dos Barris, além das seis delegacias ali existentes, já foram licitadas. Na Região Metropolitana de Salvador e no interior do estado, as unidades de Mata de São João, Camaçari, São Sebastião do Passé, Lauro de Freitas, Pojuca, Jacobina, Juazeiro e Morro do Chapéu também serão recuperadas, já tendo sido definidas as empresas responsáveis pelas intervenções físicas.

Em paralelo às reformas de unidades policiais, o governo estadual construirá as sedes das Coordenadorias Regionais de Policia do Interior (Coorpins) em Bom Jesus da Lapa e Serrinha, além de criar os Complexos Policiais de Vera Cruz/Itaparica e de Feira de Santana.

Os serviços de recuperação dos espaços físicos nas delegacias têm como parceiros a SSP, a Superintendência de Construções Administrativas da Bahia (Sucab) e a Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial (Sudic). Em Eunápolis e Maragojipe, as obras foram realizadas em parceria com a iniciativa privada e a prefeitura local, respectivamente.