A Secretaria para Assuntos Internacionais e da Agenda Bahia (Serinter) vai levar a Cabo Verde, na África, entre 16 e 20 deste mês, o Catavento, símbolo da Campanha de Erradicação do Trabalho Infantil, a convite da Organização Internacional do Trabalho (OIT).  A presença da Bahia na delegação deve-se ao sucesso das Caravanas de Erradicação do Trabalho Infantil no Estado, coordenadas pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes).

Como articuladora do Comitê Gestor Estadual do Pacto Nacional Um Mundo para a Criança e o Adolescente do Semiárido, Iara Farias, assessora técnica da Serinter, vai compartilhar com o país africano a experiência baiana na organização das caravanas e mobilização para implementação de políticas públicas de combate ao trabalho infantil.

Entre os resultados vitoriosos das três Caravanas de Erradicação do Trabalho Infantil (2009 a 2011) realizadas no estado, cerca de 13 mil crianças e adolescentes foram cadastrados no Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), além da reativação e implementação do Peti nos 18 municípios do Território de Identidade Nordeste II. O bom desempenho das caravanas influenciou o Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil a criar, em 2012, uma caravana para toda a região Nordeste, nos moldes da Bahia.

A delegação para Cabo Verde será chefiada pela OIT e terá representantes do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, do Ministério do Trabalho e Emprego, da Secretaria Especial dos Direitos Humanos, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, da Frente Parlamentar de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, além da Secretaria para Assuntos Internacionais e da Agenda Bahia.