A Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema), por meio do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), entregou na segunda-feira (2) e na terça (3), na cidade de Andaraí, 100 kits com equipamentos para proteção individual (EPIs), beneficiando 600 brigadistas voluntários da região da Chapada Diamantina. Os kits foram entregues para mais de 12 brigadas dos municípios de Andaraí, Bonito, Barra da Estiva, Itaetê, Ibicoara, Lençóis, Morro do Chapéu, Remanso, Rio de Contas, Seabra e Tanquinho. Ao todo, foram investidos R$ 400 mil na compra de 1.548 peças, como luvas, máscaras, foices, abafadores, mochilas costais, fardamento, dentre outros itens.

Antes da entrega dos equipamentos, a técnica em fiscalização do Inema, Fabíola Cotrim, fez uma palestra sobre a importância da parceria entre o Governo do Estado e as brigadas, além de explicar sobre o uso correto dos EPIs. “Este ano, estamos vivendo uma situação acentuada de seca. Antes, o período crítico de fogo começava em agosto. Este ano, já em março presenciamos o surgimento dos primeiros focos de incêndio. Por isso antecipamos os cursos de capacitação dos brigadistas e agora realizamos a distribuição dessas ferramentas essenciais para conter os incêndios e garantir a segurança das pessoas”, disse Fabíola.

Comunidade envolvida 

Brigadista há 27 anos, Homero Vieira, mais conhecido na Chapada como Velho Urso, passa para os filhos e vizinhos a importância da preservação das matas e dos animais que ali habitam. “Trabalhamos muito com a sensibilização da população para o cuidado com a vegetação, na prevenção de focos de incêndio, realizando mutirões e palestras nas escolas e prefeituras da região”, afirmou.

Segundo Homero, o apoio do poder público é fundamental para a manutenção e os trabalhos das brigadas. “Neste momento, destaco a importância da parceria de todas as pessoas da sociedade, órgãos estaduais e prefeituras para a preservação das reservas naturais”.

O investimento é oriundo da Sema, por meio de uma ação do Comitê Estadual de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais do Estado da Bahia, que reúne, além da secretaria, o Inema, a Defesa Civil do Estado, representantes da Casa Militar do Governador, Secretaria da Segurança Pública, Secretaria da Saúde, Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza, Secretaria da Educação, Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária, Secretaria do Turismo, Comando de Operações de Bombeiros Militares e Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa).