Um lote de pistolas ponto 40, com características especiais para o uso feminino, foi entregue nesta segunda-feira (5) pelo delegado-geral da Polícia Civil, Hélio Jorge, às delegadas titulares das 15 Delegacias Especiais de Atendimento a Mulher (DEAMs) de todo o estado.

A solenidade aconteceu no edifício-sede da instituição, na Praça da Piedade, com a presença do delegado-geral adjunto, Bernardino Brito, e do diretor do Departamento de Planejamento, Administração e Finanças (Depaf), delegado Gildécio Souza.

Com dimensões específicas para delegadas e investigadoras, as novas pistolas oferecem mais praticidade e portabilidade. Testadas e aprovadas pelas usuárias, as armas trazem também inovações técnicas importantes, possuindo um sistema de segurança que não permite o disparo acidental.

Segundo a titular da Coordenação de Fiscalização de Produtos Controlados (CFPC), delegada Heloísa Simões, as armas trarão muitos benefícios para as delegadas. “As novas pistolas são modernas, mais leves e de tamanho mais adequado ao manuseio feminino”.

As delegacias funcionam nos bairros Engenho Velho de Brotas e Periperi, em Salvador, e nos municípios de Vitória da Conquista, Feira de Santana, Ilhéus, Camaçari, Porto Seguro, Itabuna, Teixeira de Freitas, Candeias, Alagoinhas, Paulo Afonso, Juazeiro, Barreiras e Jequié.

Ao registrar ocorrências de agressão e outros delitos, a mulher encontra nessas unidades especializadas um ambiente de acolhimento e proteção. A delegacia oferece o apoio psicossocial necessário à reconstrução do vínculo familiar dessas mulheres, o que tem resultado, segundo as estatísticas, numa baixa reincidência.