Com investimentos de R$ 580 milhões, os grupos Promon, Aterpa e Ecoluz irão implantar a usina termelétrica UTE SulBahia I, no município de Eunápolis. A termelétrica a gás natural será a primeira do Brasil a utilizar-se do ciclo combinado Single-Shaft de gás e vapor, econômico no consumo de gás e com baixíssima emissão de poluentes. Já habilitada pela Petrobras, terá 371,3MW de potência instalada.

O projeto de produção de energia elétrica depende, somente, agora da obtenção da licença ambiental e a previsão de entrada em operação da usina é em 2012. O diretor da Ecoluz, Ricardo David, disse que a UTE SulBahia I vai gerar mais de mil empregos diretos nas fases de construção e operação. “Trata-se de um empreendimento estratégico para o Extremo Sul”.

“A Usina vai se aproveitar da localização do Gasene, além de criar mais empregos para a região, já que a nossa política será a de recrutar a maior parte da mão de obra em Eunápolis e cidades circunvizinhas”, disse David.

Os diretores da empresa visitaram, nesta segunda-feira (23), a Secretaria da Indústria e Comércio, acompanhados do senador Walter Pinheiro.