O Procon-BA, da Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, emitiu 127 autos de infração durante operações de fiscalização em unidades dos supermercados Atacadão, Atacadão Centro Sul, Atakarejo, Atacadão Atakarejo e Bompreço, alvos de denúncias de consumidores. As operações aconteceram entre janeiro de 2010 e 14 de abril deste ano.

Propaganda enganosa, produtos expostos à venda sem informações, como preço e prazo de validade, e produtos com validade vencida e preço diferenciado foram algumas das irregularidades identificadas pelos fiscais durante esse período. As unidades autuadas foram do Atacadão de Cajazeiras, Atacadão Atakarejo de Brotas, Caminho de Areia e Lauro de Feitas, Atacadão Centro Sul da Calçada (três vezes) e Atakarejo da Calçada.

Também foram autuadas unidades do Bompreço de Cosme de Farias (duas vezes), Cabula, Canela (duas vezes) e Chame-Chame (quatro vezes).

Segundo a diretora de Fiscalização do Procon-BA, Isabella Barreto, outros estabelecimentos foram visitados pelo órgão em operações de rotina e também para apurar denúncias, neste mesmo período.