O balanço final das ocorrências policiais na festa da Lavagem do Bonfim 2011, segundo maior evento popular da Bahia, confirma a redução nos números dos principais delitos, em relação aos registros do ano passado.

Este ano, a polícia não registrou homicídio ao longo dos oito quilômetros que separam as igrejas da Conceição da Praia e do Senhor do Bonfim, trajeto percorrido no cortejo da Lavagem. Dado relevante foi a ausência de tentativas de homicídio. Em 2010, foram registrados um homicídio e uma tentativa.

Outros delitos que também tiveram redução em 2011 foram os crimes contra o patrimônio (roubos e furtos), sendo registradas 111 ocorrências, contra 121 em 2010; vias de fato (brigas), 17 casos, contra 25 no ano passado, além de nove lesões corporais neste ano, contra 11 no ano anterior.

Cinquenta e quatro pessoas foram conduzidas para os postos policiais instalados circuito da festa, onde foram averiguadas as ocorrências em que estavam envolvidas. “Isso mostra que o nosso planejamento para a festa do Bonfim deu certo. Nosso pensamento é repetir a organização e avaliar todos os procedimentos para que, no Carnaval, o sucesso seja o mesmo”, disse o secretário da Segurança Pública, César Nunes.