"Não acredito em Estado mínimo e nem em Estado máximo, nem acredito que os serviços prestados pelo Estado tenham que ser sempre ruins", disse o governador Jaques Wagner, citando o trabalho do Planserv, Embasa e Bahiagás como provas de que o Estado pode trabalhar bem.

Wagner disse acreditar na parceria Estado/iniciativa privada para desenvolver a Bahia e ficar mais perto da "Bahia, Terra de Todos Nós". Finalizando o discurso, ele agradeceu a colaboração de todos que participaram da construção desses quatro primeiros anos de governo. Wagner se dirige para a sala onde será a entrevista coletiva.