LOCAL: Salão Nobre da Associação Comercial da Bahia (Praça Conde dos Arcos, Comércio)
DATA: 28.01.11 (sexta-feira)
HORÁRIO: 17h

O QUE É: abertura das comemorações dos 200 anos da Associação Comercial da Bahia (ACB).

INFORMAÇÕES ADICIONAIS:

EVENTO: reunirá empresários e autoridades políticas, entre elas, o governador Jaques Wagner, que ministrará uma palestra com o tema “O novo ciclo de desenvolvimento da Bahia”. Na ocasião será inaugurada uma exposição fotográfica sobre a história da associação.

PROGRAMAÇÃO: em comemoração ao bicentenário, até novembro, serão realizadas palestras, exposições, lançamentos de livros e ciclos de debates. Para o dia do aniversário (15 de julho), está prevista uma grande festa.

ACB: criada para defender os interesses dos empresários e facilitar a realização de negócios, é a mais antiga entidade empresarial das Américas. A associação foi uma iniciativa dos comerciantes baianos, que fizeram o pedido a D. João VI. O então Príncipe Regente da colônia viu na iniciativa a oportunidade para fortalecer a economia colonial e atendeu a solicitação.

DADOS: de acordo com a última Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), realizada em âmbito nacional pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em novembro de 2010, o comércio varejista no estado apresentou expansão de 12,6% no volume de vendas em relação ao mesmo mês de 2009, acumulando 10,3% de incremento nas vendas nos 11 primeiros meses do ano. A expansão do crédito para financiamentos; a ampliação dos prazos de parcelamento; a melhoria de rendimentos dos consumidores, especialmente daqueles de menor poder aquisitivo; e o aumento do emprego formal no estado foram os fatores apontados como responsáveis para os resultados favoráveis do comércio varejista em 2010. Os reflexos da expansão do comércio no estado podem ser vistos ainda nos últimos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O setor apresentou um saldo de 23.890 postos de trabalho. Conforme o cadastramento do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), a Bahia atingiu um saldo de empregos de 121.856 postos de trabalho com carteira assinada em 2010. O resultado, acima do previsto, se configura no maior saldo já registrado na série histórica do Caged.