A típica culinária baiana é o foco principal do projeto Delícias do Porto, promovido pelo Instituto Mauá. A atração já se tornou referência no happy hour de baianos e turistas, sempre às sextas-feiras, no Largo do Porto da Barra, com vista para a Baía de Todos-os-Santos.

No cardápio, pratos tradicionais de Salvador e do interior. Feijoada, sarapatel, maniçoba, xinxim, caruru, carne-de-sol com pirão de aipim, espetinhos, crepes, pastéis fritos na hora, beijus recheados, tortas doces e salgadas e, claro, o autêntico acarajé com vatapá, camarão, pimenta e salada.

Além das barracas de culinária, o Delícias ganhou o aporte de barracas de artesanato, que oferecem ao público uma amostra da rica e criativa arte baiana. São peças em couro, coco, metal e cabaça, utilidades para o lar, roupas, bolsas e acessórios, bijuterias, artesanato indígena e mineral, cestaria e trançado, crochê, piaçava e tecelagem.

A música regional acrescenta ainda mais baianidade ao evento. Todas as noites, das 18 às 21h30, o músico Zé Costa convida a cantar e dançar ao som do legítimo forró pé-de-serra, sempre com participações especiais.

O Delícias do Porto segue até o fim do ano, sempre às sextas-feiras. Caso chova no dia do evento, o Delícias pode ser suspenso.