A Secretaria da Administração e as Voluntárias Sociais vão convocar aproximadamente 800 jovens selecionados pelo Mais Futuro, programa governamental de primeiro emprego, para atuar como aprendiz na administração pública estadual. A primeira etapa, de 150 convocações para atuação nos postos SAC da capital e interior, foi anunciada, nesta terça (20), na Fundação Luís Eduardo Magalhães (Flem). O evento reuniu representantes de órgãos da administração pública direta, autarquias e fundações, que receberam orientação sobre as etapas do processo de contratação do jovem aprendiz.

O Mais Futuro seleciona estudantes da rede pública entre 14 e 24 anos de idade para cumprir dois anos de trabalho junto aos órgãos estaduais, conquistando sua primeira experiência de emprego e gabaritando-se para o mercado de trabalho. As convocações ocorrerão até o final do ano, quando o Estado contará com um total de 1.080 jovens aprendizes em atuação.