O Sistema de Condomínio para o Desenvolvimento Sustentável, fruto de convênio firmado entre a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes), por meio do programa Pescando Renda, e a Associação de Pescadores de Poço Grande, no município de Araci, está completando um ano e os resultados são motivos para comemoração.

Com ele, 52 famílias estão tendo a possibilidade de planejar a renda familiar, garantir segurança alimentar e um salário acima do mínimo todo mês. Na próxima quinta-feira (18), o secretário Valmir Assunção faz uma visita ao povoado de Poço Grande para ver de perto a evolução do projeto.

A expectativa do presidente da Associação dos Pescadores de Araci, Francisco de Assis Lima, é que, com o projeto, os pescadores passem, no futuro, a garantir renda acima de R$ 1,5 mil.

Além da segurança que passou a ter com os criatórios, a associação já comercializa o peixe para vários órgãos, como prefeituras, Movimento de Organização Comunitária (MOC) e Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). “Ainda este mês, estamos fechando com a prefeitura de Serrinha a comercialização do nosso produto para a merenda escolar do município”, informou Francisco.