Com o objetivo de fortalecer as ações de desenvolvimento regional e combate à pobreza rural em toda a Bahia, a Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento e Integração Regional (Sedir), está intensificando a supervisão, acompanhamento de convênios e atividades desenvolvidas em seus escritórios regionais, buscando uma gestão mais dinâmica, compartilhada e transparente.

As visitas, que tiveram início no mês de março, estão sendo realizadas por dois grupos – um formado pelo diretor executivo da CAR, José Pirajá, a gerente administrativa e financeira, Sheila Viegas, o coordenador do programa Produzir, Ivan Barreto. Do outro integram a superintendente técnica, Lúcia Carvalho, o assessor da diretoria, José Carlos Santana, e a assistente da Gerência Administrativa e Financeira, Ana Luiza.

Somente no mês de março, já foram visitados os escritórios de Jacobina, Juazeiro, Itaberaba, Seabra, Irecê, Barreiras, Santa Maria da Vitória, Macaúbas, Caetité e Brumado. Na ocasião foram avaliados os aspectos administrativos e técnicos que envolvem a atuação dos escritórios.

“As visitas têm sido muito importantes e já contribuem para rever aspectos da sistemática de supervisão e acompanhamento dos convênios, a exemplo da decisão de excluir as figuras dos diretores e fiscais de obras, contratados pelas organizações comunitárias”, explicou José Pirajá.

Inicialmente, as visitas estão ocorrendo nos escritórios criados para atender às demandas do Programa Produzir, mas, de acordo com o diretor executivo da CAR, se estenderão aos outros escritórios relacionados com os projetos Gente de Valor e Mata Branca. A previsão de conclusão dessa primeira etapa de visitas é o final do mês de abril.

Os grupos de trabalho têm aliado as atividades com os colaboradores lotados nos escritórios, realizando visitas a projetos financiados com recursos do Programa Produzir. Integrando a programação, o grupo já tem visitas agendadas para o período de 7 a 9 deste mês, quando supervisionará as atividades nos escritórios de Feira de Santana, Euclides da Cunha e Serrinha.